A Op Art e os 8 principais artistas representantes que você precisa conhecer!

Op art é um termo usado para descrever a arte que explora a falibilidade do olho e pelo uso de ilusões de ótica.

A expressão “op-art” vem do inglês (optical art) e significa “arte ótica”. Defendia a arte “menos expressão e mais visualização”. Apesar do rigor com que é construída, simboliza um mundo mutável e instável, que não se mantém nunca o mesmo.

Os trabalhos de op art são em geral abstratos, e muitas das peças mais conhecidas usam apenas o preto e o branco. Quando são observados, dão a impressão de movimento, clarões ou vibração, ou por vezes parecem inchar ou deformar-se.

op-art-colecionarte-arteref

O termo surgiu pela primeira vez na Time Magazine em Outubro de 1964, embora já se produzissem há alguns anos trabalhos que hoje podem ser descritos como “op art”. Sugeriu-se que trabalhos de Victor Vasarely, dos anos 1930, tais como Zebra (1938), que é inteiramente composto por listas diagonais a preto e branco, curvadas de tal modo que dão a impressão tridimensional de uma zebra sentada, devem ser consideradas as primeiras obras de op art.

A primeira exposição de op-art foi realizada em 1965 chamada The Responsive Eye (O Olho que Responde), composta inteiramente por trabalhos de Op Art, abriu em Nova Iorque. Em seguida, a op art tornou-se tremendamente popular, e foram usadas imagens de op art em vários contextos comerciais.

Bridget Riley é talvez a mais conhecida dos artistas de op art. Inspirando-se em Vasarely, pintou uma série de quadros só com linhas pretas e brancas. No entanto, em vez de dar a impressão de um objecto do mundo real, os seus quadros deixavam frequentemente a impressão de movimento ou cor.

Mais tarde, Riley produziu trabalhos coloridos, e outros artistas de op art também trabalharam com cor, embora estes trabalhos tendam a ser menos conhecidos. Contrastes violentos de cor são por vezes usados para produzir ilusões de movimento similares às obtidas a preto e branco.

1. Victor Vasarely (1908-1997)

victor-vasarely-900x700-2

Artista húngaro considerado o “Pai da Op Art”. Foi influenciado pela arte cinética, construtivista e abstrata bem como ao movimento de Bauhaus, donde destaca-se sua obra “Zebra” (1938).

2. Alexander Calder (1898-1976)

alexander-calder-900x423

Conhecido por Sandy Calder, o artista estadunidense é famoso pelos “mobiles”, objetos compostos pela associação de formas geométricas (sobretudo retangulares) ao movimento do ar. Suas obras mais representativas são: Sem título (1931), Cone de Ébano (1933) e A Espiral(1958).

3. Luiz Sacilotto (1924-2003)

luiz_sacilotto-900x700-2

Principal representante da Op Arte e da arte concreta no Brasil, produziu esculturas e pinturas das quais se destacam: Estruturação com Elementos Iguais (1953) e Concreção 7553 (1975)

4. Adolph Frederick Reinhardt (1913-1967)

ad-reinhardt-900x423

Conhecido como Ad Reinhardt, foi um artista estadunidense que se aproximou do movimento do expressionismo abstrato, da arte conceitual e minimalista. Muito famoso por suas pinturas “negras” na década de 60.

5. Jesús-Raphael Soto (1923-2005)

paralelas-vibrantes-jesus-900x700-2
Artista venezuelano famoso pelos seus “penetráveis”, obra destinadas a penetração do público como forma de interagir com o produto artístico; destacam-se Estrutura cinética (1957), Volume suspendido(1967) e Paralelas vibrantes (1969).

6. Kenneth Noland (1924-2010)

kenneth-noland-900x423

Pintor estadunidense, destacou-se com suas obras abstratas com vibração ótica unidas ao estilo denominado “Color Field”, intimamente ligado ao expressionismo abstrato.

7. Richard Allen (1933-1999)

richard-allen-artwork-900x600-2

Pintor britânico explorou a arte cinética, a op art, o minimalismo e a arte geométrica abstrata. Das obras da Op Art destacam-se os “Estudos para pinturas de Op de preto e branco” (1963-1972).

8. Bridget Riley (1931 )

bridget-riley-900x700

É uma pintora inglesa, considerada um dos maiores expoentes da Op art. Estudou na Golsmith´s school of art em Londres, em 1952 a 1955. Sua primeira exposição individual foi em 1962 na Gallery One.

Veja também:

Os 5 principais artistas que fizeram o “Pop Art” dos anos 1960

 

Joy de Paula109 Posts

É aquela que faz tudo. Liga os pontos dentro do Arteref. Ela fala com artistas, colunistas e assessores e escreve as notícias. Faz com que tudo tenha sentido dentro de um portal que foi feito para ajudar a todos a entender um pouco mais sobre arte.

3 Comments

Leave a Comment

Login

Welcome! Login in to your account

Remember me Lost your password?

Lost Password