Leilão na Canvas Galeria

Carregando Eventos

« Todos Eventos

  • Este evento já passou.

Leilão na Canvas Galeria

agosto 22

Leilão da Canvas traz “O Banho do Pavão”,

uma obra icônica e única dos Gêmeos

 

Trata-se de um armário do avô deles, pintado em 2006 e que agora será exposto e ofertado em leilão, com grande expectativa

 

Os Gêmeos, Otávio e Gustavo Pandolfo, artistas que cumpriram uma trajetória inversa em relação ao reconhecimento, iniciaram a carreira no Brasil, mas o sucesso veio primeiro do exterior, estão com grande destaque na exposição e leilão da Canvas Galeria de Arte. “O Banho do Pavão”, um icônico trabalho dos Gêmeos, será leiloado pela Canvas Galeria de Arte no dia 22 de agosto com grande expectativa por parte dos organizadores.

Outro destaque do leilão será uma obra de 1965 de Antonio Bandeira. O quadro, medindo 0,81m por 1,00m, é uma obra única e que certamente atrairá muitos interessados ao leilão da Canvas, como todo trabalho de Bandeira. Há ainda um quadro de Caribé que é considerado um dos melhores de sua carreira.

Mas a obra “O Banho do Pavão” tem tratamento especial, é tratado com todo carinho e esmero por parte da Canvas Galeria de Arte, que não hesitou nenhum segundo em escolher a obra para a capa do catálogo do próximo leilão, que traz, aos lotes, 130 trabalhos relevantes, importantes, de grande valor e destaque artístico: “Esse quadro de Bandeira é absolutamente fantástico e o quadro de Caribé, com 1,80 m é também muito raro. Teremos no mínimo 80 obras espetaculares, tanto porque a qualidade é nossa melhor marca e jamais desleixamos desse quesito na montagem de nossos eventos”, diz Rodrigo Brandt, da Canvas.

 

 

O Banho do Pavão

 

“O Banho do Pavão”, uma obra única, feita a partir de um antigo armário do avô Albino, que tinha por hábito guardar parafernálias: “Estamos usando tudo do nosso avô e outras coisas que encontramos em ferros-velhos”, disseram à época.  De 2006, a obra concentra a síntese de tudo o que eles fazem, com uso de spray, tinta látex, lantejoula, massa corrida, ex-voto, resina, pedras, flores de plástico, lâmpadas e madeira. Aparentemente de um simbolismo simples, a arte dos Gêmeos não é de fácil leitura.  Ao rebuscar os inconscientes coletivos comuns à cultura humana e ao uso da figuração os artistas encontraram um veículo de compreensão importante para a primeira abertura das portas que vão muito além das leituras de superfície, é nisso que reside a sua contemporaneidade.

Nessa obra eles retratam muito do universo dos dois. Em cada elemento, como gaveta, lâmpadas que acendem, portas que se abrem e revelam um pedaço de suas infâncias, o lado lúdico, um pedaço da história da família. Por tudo isso é uma obra única e rara, considerada uma das peças mais importantes da carreira dos dois. Neste trabalho grandioso, Os Gêmeos não se limitaram a desenhar e pintar, mas trouxeram o suporte do armário, que guarda histórias e lembranças para o centro da cena.

Eles estão em importantes leilões como da Sothebys, da Christie, da Philip, ou obras expostas na Deitch Gallery, na Tate Modern, na Saatchi Gallery e até no Museu de Arte Moderna de Tóquio. Eles criaram uma linguagem pictórica baseada em determinados cânones da cultura popular brasileira e transitam no imaginário coletivo, o que os faz transcender para muito além do Brasil. O melhor de tudo isso é que em tudo que fazem deixam transparecer um traço único, verdadeiro, de quem se entrega ao que faz. Dos muros do Cambuci para o mundo, Os Gêmeos tornaram-se internacionais.

Otávio e Gustavo Pandolfo, Os Gêmeos, desde criança aprenderam a ouvir as típicas histórias de crianças gêmeas e a sintonia que as cerca. Sem nunca abandonar o grafite, sempre trabalharam juntos a partir do tradicional bairro do Cambuci (SP) onde desenvolveram um modo distinto de brincar e se comunicar por meio da arte. Com apoio da família e experimentando a chegada do movimento Hip Hop no Brasil dos anos 1980, eles encontraram a conexão de que precisavam, exploraram diversas técnicas de pintura, desenho e escultura e tiveram as ruas como estúdio. Um pouco de tudo isso está representado na obra “O Banho do Pavão”.

 

Canvas Galeria de Arte faz exposição e leilão em SP

 

A Canvas Galeria de Arte fará entre os dias 15 e 22 de agosto, exposição com as obras que farão parte de seu leilão, em São Paulo, dia 22 de agosto próximo. A exposição, com muitos quadros e esculturas, é aberta ao público, funciona das 11 às 20h e traz obras de consagrados artistas. A exposição e leilão serão na sede da Canvas, na Av. Europa 715, Jardins. O destaque é a obra dos Gêmeos, cujo texto está acima deste. De acordo com Rodrigo Brandt, da Canvas, esse leilão traz trabalhos magníficos e que poderão ser apreciados pelo público. “Há quadros bastante raros de artistas como Carybé, Antonio Bandeira, Pancetti, Abraham Palatnik, Ianelli, Di Cavalcanti e muitos outros. Além dos grandes destaques às obras de Bandeira e Carybé, há um trabalho único e icônico feito pelos Gêmeos que por sua relevância tornou-se a capa de nosso catálogo. Sobre ele temos grande expectativa”.

Serviço:

 

 

Exposição Canvas São Paulo

De 15 a 22 de agosto

Das 11 às 20h

Av. Europa 715

Entrada Franca

Detalhes

Data:
agosto 22
Evento Tags:

Login

Welcome! Login in to your account

Remember me Lost your password?

Lost Password