Semana de Visibilidade de Travestis e Transexuais na Biblioteca Mário de Andrade

Carregando Eventos

« Todos Eventos

  • Este evento já passou.

Semana de Visibilidade de Travestis e Transexuais na Biblioteca Mário de Andrade

janeiro 30

Semana de Visibilidade de Travestis e Transexuais na Biblioteca Mário de Andrade

Exibição de filme com debate e lançamento de publicação sobre o tema celebram a visibilidade trans no dia 30 de Janeiro
No dia 30 janeiro de 2018 a Biblioteca Mário de Andrade presta sua homenagem à Semana de Visibilidade de Travestis e Transexuais com atividades culturais abertas e gratuitas. O evento se inicia às 14horas.

A Biblioteca recebe a AHF Brasil, ONG que atua no Brasil com foco no diagnóstico de HIV, e entidades apoiadoras para o lançamento da publicação: “Reafirmando cidadania e identidade de gênero – uma experiência na cidade de São Paulo e a exibição do filme: “Um Atentado Violento ao Pudor” (2017| 95min), dirigido por Gilson Goulart Carrijo e Keila Simpson.

Ao final da exibição a diretora Keila Sympson e demais ativitas Trans conversam com os presentes em um debate, seguido de coquetel.

A saber, Keila Simpson, 52 anos é Travesti, prostituta, Presidente da Associação Nacional de Travestis e Transexuais ANTRA e Coordenadora Executiva do CPDD LGBT da Bahia – Casarão da Diversidade. É considerada a ativista mais influente entre o movimento de Pessoas Trans.

SOBRE A PUBLICAÇÃO “Reafirmando Cidadania e Identidade de Gênero – uma experiência na cidade de São Paulo”.

No intuito de fortalecer a luta por um mundo equânime e livre de discriminação, no qual os direitos de Travestis e Transexuais sejam respeitados e reconhecidos por toda a sociedade como um componente essencial para justiça social e equidade na saúde e educação, a AHF Brasil realizou em 2017 o Encontro Reafirmando Cidadania e Identidade de Gênero, no qual travestis e transexuais, ativistas LGBT, pesquisadores, gestores e profissionais de saúde discutiram as pautas atuais relacionadas ao acesso à políticas públicas em saúde e educação, violação de direitos, integralidade no cuidado e prevenção das IST/HIV/Aids.

A publicação traz seis artigos, escritos pelas pessoas trans, pesquisadores e profissionais de saúde sobre contextos, desafios e necessidade especificas na área de educação e saúde para travestis, mulheres e homens transexuais.

SERVIÇO

Semana da Visibilidade de Travestis e Transexuais

Data: 30/01/2018

14h Boas vindas e breve fala dos Autores

15h Exibição do documentário: “Um Atentado Violento ao Pudor” (2017| 95min) Direção: Gilson Goulart Carrijo e Keila Simpson

16h35 Bate-papo com Keila Sympson e ativistas Trans

17h30 Cocktel de lançamento da publicação “Reafirmando Cidadania e Identidade de Gênero – uma experiência na cidade de São Paulo. de Andrade a publicação: “Reafirmando cidadania e identidade de gênero – uma experiência na cidade de São Paulo

Local: Biblioteca Mário de Andrade

Rua da Consolação, 94

Exibição de filme com debate e lançamento de publicação sobre o tema celebram a visibilidade trans no dia 30 de Janeiro
No dia 30 janeiro de 2018 a Biblioteca Mário de Andrade presta sua homenagem à Semana de Visibilidade de Travestis e Transexuais com atividades culturais abertas e gratuitas. O evento se inicia às 14horas.

A Biblioteca recebe a AHF Brasil, ONG que atua no Brasil com foco no diagnóstico de HIV, e entidades apoiadoras para o lançamento da publicação: “Reafirmando cidadania e identidade de gênero – uma experiência na cidade de São Paulo e a exibição do filme: “Um Atentado Violento ao Pudor” (2017| 95min), dirigido por Gilson Goulart Carrijo e Keila Simpson.

Ao final da exibição a diretora Keila Sympson e demais ativitas Trans conversam com os presentes em um debate, seguido de coquetel.

A saber, Keila Simpson, 52 anos é Travesti, prostituta, Presidente da Associação Nacional de Travestis e Transexuais ANTRA e Coordenadora Executiva do CPDD LGBT da Bahia – Casarão da Diversidade. É considerada a ativista mais influente entre o movimento de Pessoas Trans.

SOBRE A PUBLICAÇÃO “Reafirmando Cidadania e Identidade de Gênero – uma experiência na cidade de São Paulo”.

No intuito de fortalecer a luta por um mundo equânime e livre de discriminação, no qual os direitos de Travestis e Transexuais sejam respeitados e reconhecidos por toda a sociedade como um componente essencial para justiça social e equidade na saúde e educação, a AHF Brasil realizou em 2017 o Encontro Reafirmando Cidadania e Identidade de Gênero, no qual travestis e transexuais, ativistas LGBT, pesquisadores, gestores e profissionais de saúde discutiram as pautas atuais relacionadas ao acesso à políticas públicas em saúde e educação, violação de direitos, integralidade no cuidado e prevenção das IST/HIV/Aids.

A publicação traz seis artigos, escritos pelas pessoas trans, pesquisadores e profissionais de saúde sobre contextos, desafios e necessidade especificas na área de educação e saúde para travestis, mulheres e homens transexuais.

SERVIÇO

Semana da Visibilidade de Travestis e Transexuais

Data: 30/01/2018

14h Boas vindas e breve fala dos Autores

15h Exibição do documentário: “Um Atentado Violento ao Pudor” (2017| 95min) Direção: Gilson Goulart Carrijo e Keila Simpson

16h35 Bate-papo com Keila Sympson e ativistas Trans

17h30 Cocktel de lançamento da publicação “Reafirmando Cidadania e Identidade de Gênero – uma experiência na cidade de São Paulo. de Andrade a publicação: “Reafirmando cidadania e identidade de gênero – uma experiência na cidade de São Paulo

Local: Biblioteca Mário de Andrade

Rua da Consolação, 94

Detalhes

Data:
janeiro 30

Login

Welcome! Login in to your account

Remember me Lost your password?

Lost Password