O que é o amor para as mulheres russas e europeias?

O AMOR NUMA LINGUAGEM VISUAL FEMININA

Oi Futuro Flamengo reúne artistas do Leste Europeu e da Rússia e as curadoras da exposição AMOR para falar de situações sociais, políticas e de relacionamento através de uma visão e sensibilidade feminina.

Após a palestra com as curadoras, as artistas convidam o público para abrir a exposição numa visita guiada.

O evento acontece no dia 9 de maio, a partir das 18h.

Duba Sambolec_ NATO.W.W.-10
Duba Sambolec I Situation Report #3, 2013 I a part of installation I video: NATO Women Waiting, 2001–2013 I color & sound, 09’32” I performers: Military women, Trondheim, Norway

O que é o amor para a mulher que vive em países da Europa Centro-Oriental, dos Balcãs e da Rússia? Como o histórico do comunismo, guerra, tensões, traumas e tragédias de seus países influenciam seus relacionamentos, moldam o imaginário feminino e influenciam os papéis da mulher? Esses são alguns dos temas a serem debatidos no Oi Futuro Flamengo pelas curadoras Denise Carvalho (Brasil/EUA) e Monika Szewczyk (Polônia), e pelas artistas Duba Sambolec, Magdalena Jetelová e Anna Jermolaewa, que estarão presentes para a abertura. A exposição “Amor”, mostra coletiva de artistas mulheres do Leste Europeu, será inaugurada no mesmo dia no centro cultural, reunindo trabalhos de 20 artistas multimídia da Polônia, Rússia, Bósnia, República Tcheca, Estônia, Lituânia, Ucrânia, Uzbequistão e Bulgária. O evento acontece no dia 9 de maio de 2016, a partir das 18h, com patrocínio da Oi, Governo do Rio de Janeiro, Secretaria de Estado de Cultura e Lei Estadual de Incentivo à Cultura do Rio de Janeiro, com apoio cultural do Oi Futuro.

Mare Trala_incloset
Mare Tralla I A Diary, 2009–2011 I installation of texts and photos

 

A palestra no Oi Futuro marca a abertura da exposição, que fica em cartaz de 9 de maio a 10 de julho de 2016. Em discussão estarão temas como opressão, conflitos religiosos, luta de classes, diásporas, relações familiares, questões LGBT, preconceito étnico, maternidade, feminismo contemporâneo, tradições etc. A proposta da curadoria foi buscar temáticas distintas que dão uma forma dialógica à exposição, como o tema da história definida por ideologias universais em contraste com a invisibilidade de situações heroicas vividas por mães e famílias em seu dia-a-dia. O projeto abrange também investigações sobre a histeria e a autoflagelação, a articulação e a expiação dos traumas de pós-guerra, a transgressão do tempo na idade e as formas de subversão da opressão sexual, de gênero ou de linguagem. As relações familiares se expandem no imaginário das constelações de Bert Hellinger, como também no testemunho dos trabalhos sobre os genocídios étnicos, na vivência em trânsito de mulheres militares, e na conexão sem palavras entre seres humanos e animais.

Alla Georgieva
Alla Georgieva I Street Mothers, 2001–2011 I photography

“O título AMOR tem vários sentidos nessa exposição, mas o maior é o estar sempre à beira do abismo. O abismo está sempre presente em situações em que refletimos no outro algo que desejamos ou algo que necessitamos esquecer. A exposição nasceu dessa ambivalência que começa no amor, mas penetra todas as camadas da vida, desde os contextos familiares, aos sociais, políticos e históricos. O tema do amor é o filtro para entender as subjetividades humanas, das mais simples às mais complexas, mas sempre num espaço sensorial interventivo e urgente. O amor traduz tanto a fragilidade humana como sua força, e é capaz de construir, como de destruir”, explica uma das curadoras, Denise Carvalho.

Agata Michowska - Lesson of History 2012 video 25'26-
Agata Michowska – Lesson of History – 2012 – video 25’26”

ARTISTAS

  • Agata Michowska – Polônia
  • Agnieszka Polska – Polônia
  • Alevtina Kakhidze – Ucrânia
  • Alla Georgieva – Bulgária
  • Anna Baumgart – Polônia
  • Anna Jermolaewa – Natural da Rússia, mora na Áustria
  • Duba Sambolec – Natural da Eslovênia, mora na Noruega
  • Elżbieta Jabłońska – Polônia
  • Ira Eduardovna – Natural do Uzbequistão, vive em Nova York
  • Izabella Gustowska – Polônia
  • Joanna Malinowska e C. T. Jasper – Naturais da Polônia, vivem em Nova York
  • Katarzyna Krakowiak – Polônia
  • Kateřina Šedá – República Tcheca
  • Kristina Inčiūraitė – Lituânia
  • Magdalena Jetelová – Natural da República Tcheca, vive na Alemanha
  • Mare Tralla – Natural da Estônia, vive em Londres
  • Milena Dopitová – República Tcheca
  • Lesia Khomenko – Ucrânia
  • Šejla Kamerić – Bósnia
  • Victoria Lomasko – Rússia

 

PALESTRANTES/CURADORAS:

Denise Carvalho, Ph.D., curadora e crítica de arte, nasceu no Rio de Janeiro e vive e trabalha nos Estados Unidos. Sua formação inclui os títulos: Edward W. Mellon Post-Doutorado, Wexner Center for the Arts; Doutorado em Estudos Culturais pela University of California Davis; Mestrado em História da Arte pela University of California Davis; Mestrado em Estudos Culturais pela University of California Davis; Mestrado em Antropologia pela Hunter College, NY, e Bacharelado em Artes Visuais pela School of Visual Arts, NY. Entre outros, foi responsável pela curadoria do 3rd Mediations Bienal, Poznan, Polônia (2012), como Curadora das Américas (artistas: Fernando Prats, Teresa Margolles, Alex Villar, Regina Silveira, Paulo Bruscky, Oscar Muñoz, Nick Cave, Andrea Galvani, Alejandro Vidal, Adel Abdessemed, Ali Hossaini, Gabriela Golder, Alice Miceli, Kristin Lucas, Nick Hornby, Julia Oldham, Sang Nam Lee, Simon Lee and Algis Kizys, Adriana Varella, etc.). Prestou apoio ao Ministério da Cultura na Polônia, à Fundação Mediations, entre outros.

Monika Szewczyk é curadora, historiadora de arte e diretora da Galeria Arsenal, em Bialystok, Polônia. Preside a Podlaskie Association for Promotion of Fine Arts e é membro de importantes conselhos, como o da Diretoria do Conselho do Museu de Arte Contemporânea de Varsóvia, o comitê de bolsas do Ministério da Cultura da Polônia e o conselho da Polish Sculpture Center em Oronsko. Recebeu várias bolsas e prêmios, como a bolsa do International Visitor Leadership Program USA (2008), a Medalha de Mérito para Cultura Gloria Artsis (2005) pelo Ministry of Culture and National Heritage e, três vezes, o Prêmio Kurier Poranny “Gonden Keys”, na Polônia.

Artistas presentes na abertura:

Anna Jermolaewa – nascida em São Petersburgo (Rússia), vive em Viena (Áustria). No Oi Futuro, apresentará dois vídeos. Em ‘Kremlin Doppelgänger’, examina o conceito da reprodução como uma sátira sobre os monumentos distópicos da história soviética: a desvalorização dos símbolos nacionais russos, a perda de seu poder e seus significados primários. Em ‘Kiss’, reflete sobre o amor como um sentimento forte e frágil ao mesmo tempo, capaz de criar e destruir.

Duba Sambolec – nascida em Ljubljana (Eslovênia), vive em Oslo (Noruega). Trabalha com escultura, instalação, vídeo, performance, desenho e fotografia. No Oi Futuro, apresentará dois vídeos. Em ‘NATO Women Waiting’ reflete sobre a vida de mulheres no serviço militar: as contradições e a problemática do legado patriarcal. Em ‘Collectors #2’, aborda a impunidade de crimes cometidos contra a humanidade, como o massacre de Srebrenica, em 1995, onde mais de oito mil homens e meninos muçulmanos foram mortos pelo exército sérvio-bósnio.

Magdalena Jetelová – natural da República Tcheca, vive entre Munique, Dusseldorf (Alemanha) e Praga. No Oi Futuro, apresentará o vídeo ‘Venceremos/El Carretero’, onde registra a implosão e consequente restauração de uma usina, refletindo sobre locais transitórios ou temporários da ‘supermodernidade’.

SERVIÇO

Palestra de abertura da exposição AMOR
Curadores/palestrantes: Denise Carvalho (Brasil/EUA), Monika Szewczyk (Polônia), Anna Jermolaewa (Rússia/Áustria), Duba Sambolec (Eslovênia/Noruega) e Magdalena Jetelová (República Tcheca/Alemanha)
Abertura da exposição: 18h
Palestra com as curadoras: 18h30 às 19h30 – distribuição de senhas a partir das 18h
Visita guiada com as artistas: 20h
Lotação: 65 lugares
Local: Oi Futuro – Flamengo
End: R. Dois de Dezembro, 63 – Flamengo – Rio de Janeiro – RJ – 22220-040
Tel.: (21) 3131-3060
Entrada franca
www.oifuturo.org.br

 

 

Equipe Editorial2211 Posts

Os artigos assinados pela equipe editorial representam um conjunto de colaboradores que vão desde os editores da revista até os assessores de imprensa que sugeriram as pautas.

1 Comment

Leave a Comment

Login

Welcome! Login in to your account

Remember me Lost your password?

Lost Password