As Loucuras Anunciadas de Francisco Goya estão no Rio de Janeiro

Loucuras Anunciadas apresenta coleção de 20 obras que revelam o período mais obscuro do artista espanhol

A CAIXA Cultural Rio de Janeiro recebe, de 10 de julho a 7 de outubro de 2018 (terça a domingo), a exposição Loucuras Anunciadas – Francisco Goya, que reúne 20 gravuras do que é considerado o período mais obscuro e complexo da produção do artista espanhol. O projeto tem patrocínio da CAIXA Econômica Federal e do Governo Federal.

No dia seguinte à abertura (quarta, 11), às 19h, a curadora Mariza Bertoli ministrará a palestra Vida e obra de Francisco Goya no Cinema 2 da CAIXA Cultural Rio de Janeiro. A atividade é voltada a todos os públicos e as inscrições devem ser realizadas pelo e-mail palestragoya@gmail.com.

A coleção exibida na mostra, também chamada de Disparates, é uma edição póstuma da Academia de Belas Artes de Madri, que adquiriu as pranchas em 1864. As enigmáticas gravuras são as últimas obras gráficas de Goya e revelam visões, violência, sexo, deboche das instituições relacionadas com o regime absolutista e crítica aos costumes e ao clero. O período em que as gravuras foram feitas não é muito preciso; de acordo com especialistas, devem ser de 1815 a 1820. Goya tinha decidido não publica-las, por causa da perseguição aos iluministas à época.

Segundo Mariza Bertoli, a exposição contará também com atividades interativas. “Pensei em um espaço que gerasse inquietações e curiosidade. Os participantes estarão vivenciando, de fato, o exercício estético. O estético na arte é o que comove, e a sua finalidade é colocar-nos na obra que está nos nossos olhos; promover um conhecimento sensível”, explica Mariza.

 

A mostra apresentará duas grandes gravuras impressas para que as pessoas se fotografem diante das imagens. Uma delas contará com sacos, tal como na gravura original Os ensacados (Los ensacados), que estará na exposição. A obra remete à opressão, ao desespero e à própria sensação da surdez, já que Goya perdeu a audição aos 46 anos.

“Será uma experiência forte fotografar-se nestes cenários, que são as gravuras aumentadas. Ver-se entre os loucos é inusitado. Valorizar a liberdade de não estar ‘ensacado’. Afinal, no início da mostra, nos perguntamos: pode-se anunciar loucuras?”, completa a curadora.

Acessórios, máscaras e vestuário ficarão à disposição, para que as pessoas possam se caracterizar e fazer suas próprias produções para fotografias. Além disso, estarão disponíveis, ainda, espelhos, um côncavo e outro convexo, para que os visitantes se vejam por outras perspectivas.

 

Serviço:

Exposição Loucuras Anunciadas – Francisco de Goya

Entrada franca

Local: CAIXA Cultural Rio de Janeiro – Galeria 1

Endereço:  Avenida Almirante Barroso, 25 – Centro (Metrô e VLT: Estação Carioca)

Telefone: (21) 3980-3815

Abertura: 10 de julho (terça-feira), às 19h

Visitação: de 11 de julho a 7 de outubro de 2018

Horário: de terça-feira a domingo, das 10h às 21h

Classificação indicativa: Livre

Patrocínio: CAIXA e Governo Federal

Acesso para pessoas com deficiência

 

Palestra Vida e obra de Francisco Goya, com a curadora Mariza Bertoli

Data: 11 de julho de 2018 (quarta-feira)

Horário: 19h

Local: CAIXA Cultural Rio de Janeiro – Cinema 2

Lotação: 80 lugares (mais 3 para cadeirantes)

Inscrições: Pelo e-mail palestragoya@gmail.com

Classificação indicativa: Livre

 

Paulo Varella1474 Posts

Estudou cinema na NTFS( UK), Administração de Empresas na FGV e Química na USP. Trabalhou com fotografia, cinema autoral e publicitário em Londres nos anos 90 e no Brasil desde então. Sua formação lhe conferiu entre muitas qualidades, uma expertise em estética da imagem, habilidade na administração de conteúdo e pessoas e conhecimento profundo sobre materiais. Por muito tempo Paulo participou do cenário da produção artística em Londres, Paris e Hamburgo de onde veio a inspiração para iniciar o Arteref no Brasil: Um local para unir pessoas com um mesmo interesse, a arte contemporânea. Faz o contato e organiza encontros com os curadores, artistas e colecionadores que representam o conteúdo do qual falamos no Arte Ref

0 Comments

Leave a Comment

Login

Welcome! Login in to your account

Remember me Lost your password?

Lost Password