A demonstração por absurdo no Tomie Ohtake

0
617

Em sua segunda edição, o Arte Atual Festival 2018, exposição que marca a participação do Instituto Tomie Ohtake no Festival Path, reforça o caráter experimental de sua proposta curatorial e a abertura a jovens artistas. O projeto desta edição, concebido pelo curador Paulo Miyada e sua equipe do Núcleo de Pesquisa e Curadoria da instituição, partiu do conceito matemático de prova por contradição ou redução ao absurdo. Trata-se de um recurso matemático para comprovar que algo é falso pela confirmação da veracidade de seu contrário.

Paul Setubal – Compensação por Excesso II

 

A curadoria partiu dessa noção para convidar sete jovens artistas que, em comum, além de trabalharem com grande intensidade, acumularam nos últimos anos conjuntos de obras que refletem excessos e contradições. Alexandre Copês, Arthur Chaves, Carina Levitan, Carolina Caliento, Guilherme Peters, Paul Setubal e Pedro Hórak.

 

ExposiçãoArte Atual Festival – demonstração por absurdo

Abertura: 18 de maio, às 19h

Até 03 de junho de 2018.

De terça a domingo, das 11h às 20h – entrada franca

Instituto Tomie Ohtake

Av. Faria Lima 201 – Complexo Aché Cultural

(Entrada pela Rua Coropés 88) – Pinheiros SP –

Metrô mais próximo – Estação Faria Lima/Linha 4 – amarela

Fone: 11 2245 1900

Comente:

Please enter your comment!
Please enter your name here