Conheça o coletivo Atelier do Centro

0
1136
Rubens Espirito Santo
Rubens Espirito Santo

Um coletivo interdisciplinar com uma produção consistente em diferentes suportes: esculturas, desenhos, pinturas, fotografias e instalações. Em comum, são todos guiados por uma prática que passa pela filosofia da arte e pela produção plástica, que terminam na transmissão de arte. Essas são as diretrizes do Atelier do Centro, grupo de mais de 30 artistas brasileiros e estrangeiros.

O Atelier, ativo há mais de 20 anos no mesmo local, oferece atividades ininterruptas em produção e ensino de arte.

Comandado por Rubens Espírito Santos, o RES, e composto por mais de 30 artistas brasileiros e estrangeiros, com nomes como Anna Israel, Gabriela Celan, Gabriel Botta, e Rafael Chvaicer e Luca Parise. O coletivo está na ativa há mais de 20 anos, com ininterruptas produções artísticas e cursos de artes visuais. Os artistas usam suportes diversos, como escultura, desenho, pintura, fotografia e instalações. O cerne da produção do Atelier é o Méthodo, uma prática concebida por RES( Rubens Espírito Santos) que soma conceitos como filosofia da arte, produção plástica e a transmissão da arte.

O grupo está concentrado em cinco galpões, em locais como Valongo, bairro do litoral paulistano de Santos, e na Espanha.

Quer ver uma exposição do Atelier?

Com curadoria de Ricardo Resende, o recorte da mostra privilegia os artistas de produção mais consistente, que estão há mais tempo no Atelier, dentre eles, Anna Israel, Gabi Celan, Gabriel Botta, Lila Loula, Luca Parise e o próprio RES.

Ricardo Resende

O título da exposição coexiste com a prática comum que sustenta o organismo Atelier do Centro. “O méthodo é uma vontade de estruturar uma ponte (desmoronada) entre o mundo prático e o mundo do pensamento. Faz parte da constituinte que o aluno não apenas desenvolva capacidades intelectuais – organização, escrita, leitura e disciplina – como também saiba agir no mundo real”, explica Anna Israel.

atelier do centro
atelier do centro

Abrir a programação do ano com um “ateliê escola de arte” vai ao encontro da proposta da Galeria em estabelecer laços criativos e afetivos com o público. “A prática do Atelier do Centro exalta a relevância de projetos embasados na experimentação. Eles reutilizam, reconfiguram, desorganizam e, por fim, ressignificam os materiais do desenho, da escultura, da pintura e fotografia”, pontua Ricardo Resende.

Rubens Espírito Santo
Rubens Espírito Santo (São José dos Campos, 1966) é artista, pedagogo e pensador. Em 2000, funda o Atelier do Centro, ativo desde então na Rua Epitácio Pessoa, centro de São Paulo. Estuda estética, filosofia, teoria da arte, psicanálise e literatura.

Expôs no Instituto Tomie Ohtake, na Pinacoteca do Estado de São Paulo e no Centro Cultural São Paulo. É vencedor do prêmio Funarte (2009 – 2010) e do Rumos Itaú Cultural (2005).

Artigo anteriorUm ícone está de volta: Venice Magazine
Próximo artigoSaiba porque o dia 8 de janeiro é o dia nacional da fotografia
Avatar
Estudou cinema na NTFS (UK), Administração na FGV e Química na USP. Trabalhou com fotografia, cinema autoral e publicitário em Londres nos anos 90 e no Brasil nos anos seguintes. Sua formação lhe conferiu entre muitas qualidades, uma expertise em estética da imagem, habilidade na administração de conteúdo e pessoas e conhecimento profundo sobre materiais. Por muito tempo Paulo participou do cenário da produção artística em Londres, Paris e Hamburgo de onde veio a inspiração para iniciar o Arteref no Brasil. Paulo dirigiu 3 galerias de arte e hoje se dedica em ajudar artistas, galeristas e colecionadores a terem um aspecto mais profissional dentro do mercado de arte internacional.

Comente:

Please enter your comment!
Please enter your name here