Movimentos

Mulheres na Pop Art: 8 artistas que deixaram suas marcas.

Figuras que revolucionaram o cenário artístico feminino no ramo da Pop Art e a percepção do quão grandiosas e expressivas são as suas obras

Por Joy de Paula - setembro 19, 2019
9828 0
Pinterest LinkedIn

Ao longo da história da arte ocidental, as mulheres eram frequentemente vistas através dos olhos masculinos, como sujeitos ou objetos. Com a ascensão do Movimento de Arte Feminista na década de 1960, as mulheres artistas começaram a se redefinir e a narrar novamente a história. O trabalho de mulheres na Pop Art lembrava o de seus colegas do sexo masculino, oscilando em estilo entre o expressionismo abstrato e o minimalismo, o culto à mercadoria e a crítica capitalista. No entanto, sua linguagem visual e narrativa costumavam ser mais militantes, críticas e feministas.

Nascida nos anos cinquenta, a Pop Art mergulhou completamente na experiência de vida mundana, apagando de uma vez por todas as fronteiras entre alta e baixa cultura, arte e produção em massa. No entanto, dentro desse movimento que levou o mundo da arte a uma tempestade, o trabalho das artistas pop art era frequentemente marginalizado.

Negligenciado por décadas, o trabalho de mulheres na Pop Art agora está ganhando uma melhor compreensão e reconhecimento por suas contribuições e desafios ao movimento. Essas pioneiras estavam focadas em mudar o olhar masculino objetificador e o olhar feminino objetivado. Trabalhando na estética da Pop Art, seus trabalhos estavam intimamente ligados ao surgimento da arte feminista que explorava os papéis sociais das mulheres e sua sexualidade.


Mulheres na Pop Art:

1 – Pauline Boty (1938-1966), Londres.

Foi uma das fundadoras do movimento britânico da Pop art e a única pintora mulher do movimento na ala britânica. As pinturas e colagens de Boty muitas vezes expressou a alegria na feminilidade, autoconfiança e sexualidade feminina, e também a crítica ostensiva ou implícita do “mundo masculino” em que ela morava. Sua arte rebelde, combinada com seu estilo de vida, de espírito livre, fez Boty uma porta-voz feminista em 1970.

Pauline Boty - mulheres na Por Art
Acesso à imagem

2 – Rosalyn Drexler (1926), EUA

É uma artista americana, escritora. Embora seus primeiros trabalhos tenham sido esculturas, ela ficou mais conhecida por suas obras multimídia da cultura pop, conjuntos de objetos, pinturas  e diversas imagens encontradas. Seu trabalho tem recebido a atenção da crítica renovada depois de sua exposição retrospectiva sobre sua carreira inaugurada no Museu de Arte Rose, em fevereiro de 2016. Drexler vive e trabalha em Newark, New Jersey. Ela é representada exclusivamente pela Garth Greenan Gallery, Nova York.

rosalyn drexler - mulheres na Pop Art
Rosalyn Drexler (American, b. 1926), “Self-Portrait,” 1964. Acrylic and paper collage on canvas, 40 x 30″. Collection of Beth Rudin DeWoody. © 2017 Rosalyn Drexler / Artists Rights Society (ARS), New York.

3 – Sturtevant (1924-2014), Lakewood, Ohio, EUA

Elaine Frances Sturtevant, mais conhecida simplesmente como “Sturtevant”, foi uma artista americana. Ela alcançou o reconhecimento por suas repetições cuidadosamente inexatas de obras de outros artistas que prefigurou apropriação.

Sturtevant - mulheres na pop art
Martial Raysse Peinture Haute tension 1965 Technique mixte et néon sur toile
(162 x 5 x 975cm)

4 – Irmã Mary Corita Kent (1918-1986), Fort Dodge, Iowa, EUA

Corita Kent foi católica, freira, artista e educadora. Ela trabalhou quase exclusivamente com serigrafia, a ajudando se estabelecer como um fine art médio. Ela desenvolveu métodos inovadores em serigrafia, testando os limites do meio bidimensional. Sua obra, com suas mensagens de amor e paz, foi particularmente popular durante os levantes sociais de 1960 e 1970. Depois de um diagnóstico de câncer no início de 1970, ela entrou em um período extremamente prolífico em sua carreira, criou o design no tanque de armazenamento de GNL em Boston, Rainbow Swash, e a versão de 1985 do carimbo especial “Love” do Serviço Postal dos Estados Unidos.

corita - mulheres na pop art
Acesso à imagem

5 – Evelyne Axell (1935-1972), Namur, Bélgica

Foi uma pintora Pop. Se tornou mais conhecida por suas pinturas psicodélicas, eróticas de nus femininos e autorretratos em acrílico que se misturam os impulsos hedonistas e Pop da década de 1960.

evelyn axell - mulheres na Pop Art
Evelyne Axell, Erotomobile, 1966, oil on canvas and tyre, 150 x 150 cm, © ADAGP, Paris

6 – Marta Minujin (1943), San Telmo, Buenos Aires

É uma argentina conceitual e artista performática. Marta Minujín nasceu no San Telmo, bairro de Buenos Aires. Ela conheceu um jovem economista, Juan Carlos Gómez Sabaini, e se casou com ele em segredo em 1959; o casal teve dois filhos. Uma estudante no Instituto Universitário Nacional de Arte, ela exibiu primeiramente seu trabalho em um show de 1959 no Teatro Agón. A bolsa de estudos da Fundação Nacional de Artes lhe permitiu viajar para Paris como uma das jovens artistas argentinas apresentadas em Pablo Curatella Manes e Trinta Argentinos da Nova Geração, uma exposição que ocorreu em 1960 na Bienal de Paris.

Marta Minujín - mulheres na Pop Art
Pasion + Pasion = Pasion, Marta Minujin 2015

7 – Dorothy Grebenak (1913-1990), Oxford, Nebraska

Foi uma artista pop, teve um lado autodidata, se tornou conhecida por seus grandes tapetes de lã, cartões de troca de beisebol, caixas de marés e notas de dólar. Em 1948, Dorothy produziu tapetes, que inicialmente vendia na loja no Brooklyn Museum. Seus tapetes enganchados diferiam dos artesãos contemporâneos “arte de fibra” de duas maneiras importantes: em primeiro lugar, o seu Pop imagery a tornava mais fina do que a arte popular; segundo, eles não foram destinados para uso no chão, mas para ser pendurado na parede como seria uma pintura.

dorothy-grebenak
Dorothy Grebenak, Two Dollar Bill, c.1964, Wool hooked rug, 30 x 73″,
Collection of Kimiko Powers

8 – Marisol (1930-2016), Paris, França

Marisol Escobar, foi escultora da Pop Art. Filha de pais venezuelanos, ela fez seus primeiros trabalhos em terracota.

Marisol Escobar Fair Use. Added: 31 Jul, 2013 by yigruzeltil.
max resolution: 399x417px 

Veja também:


Você quer receber e-books, informações sobre cursos, palestras e mercado de arte?

Deixe um comentário

avatar
  Inscrever  
Notificar de