Luiz Hermano

Brasil, 1954
Luiz Hermano

Luiz Hermano Façanha Farias estuda filosofia em Fortaleza no início dos anos 1970 e, desde sempre desenha. No início, sem acesso a tintas profissionais, pintava com café. Em 1979, freqüenta aulas de gravura na Escola de Artes Visuais do Parque Lage, no Rio de Janeiro. No mesmo ano, transfere-se para São Paulo e a convite de Pietro Maria Bardi, realiza a mostra Desenhos, no Museu de Arte de São Paulo Assis Chateaubriand.

Em 1980 edita o álbum de gravuras intitulado O Universo. Em 1984, ao receber o Prêmio Chandon; viaja para Paris, onde realiza exposição Individual na Galeria Debret. Participa da 5ª Bienal Internacional de Seul (1983), e da 2ª Bienal Pan-Americana de Havana (1986). Na década de 1980, dedica-se, sobretudo, à pintura.

Nos anos 90, desenvolve obras tridimensionais utilizando materiais diversos, como cabaças naturais, fios de cobre, arame, capacitores eletrônicos, ligas de bronze, alumínio, peças de acrílico e vários tipos de peças industrializadas, deslocadas do cotidiano. Em 1987 expõe pinturas na 19ª Bienal Internacional de São Paulo e esculturas na 21ª edição do evento, em 1991. Em 2005, participa da exposição Discover Brazil, no Ludwig Museum, Koblenz, Alemanha.

Em 2008, realiza a exposição Templo do Corpo, na Pinacoteca do Estado de São Paulo, sendo nesta ocasião publicado o livro: Luiz Hermano. A monumentalidade na obra de Luiz Hermano, se apresenta em diversos espaços públicos. Em São Paulo, nos jardins do Museu de Arte Contemporânea da USP, Cidade Universitária; no metrô Estação República, nos jardins do Museu de Arte Moderna de São Paulo e em Recife, Pernambuco a obra Mandacaru, medindo 7 mts, encontra-se exposta no Museu Cais do Sertão.

Mais sobre Luiz Hermano

Cronologia

Exposições individuais
2018
XI Teoremas - Álbum de Serigrafias. Galeria Lume, São Paulo, SP,
Trapézio. Sesc Santo Amaro, SP,
Theorems. Le magazyn Venice Beach, CA,
2016
Espinheiros Ex-votos. Galeria Murilo Castro, Belo Horizonte, MG,
Geometria Invertida. Galeria Lume, São Paulo, SP,
2015
Rede de Memórias. Galeria Amparo 60, Recife, PE,
Volta ao Mundo/O Apanhador de Grãos. Prêmio Funarte de Arte Contemporânea, Belo Horizonte, MG,
2014
O batedor e a concha desenhos e objetos. Galeria Paralelo, São Paulo, SP,
Ter e Ser. Roberto Alban Galeria de Arte, Salvador, BA,
2013
Perfis. Luciana Caravello Arte Contemporânea, Rio de Janeiro, RJ,
2012
Tramando Mundos. Fundação Edson Queiroz, Fortaleza, CE e Galeria Amparo 60, Recife, PE,
2010
Rede Concreta:Trama Orgânica. Galeria Arte em Dobro, Rio de Janeiro, RJ,
Rio de Contas. Galeria Nara Roesler, São Paulo, SP,
2009
Extinto. Amparo 60 Galeria, Recife, PE,
Falso Brilhante. Galeria Referência, Brasília, DF,
2008
Templo do corpo. Pinacoteca do Estado, São Paulo, SP,
2005
Individual. Galeria Nara Roesler, São Paulo, SP,
2003
Ludens. Galeria Nara Roesler, São Paulo, SP,
2002
Individual. Adriana Schmidt Gallery, Stuttgart, Alemanha,
2001
Individual. Embaixada do Brasil, Berlim, Alemanha,
Individual. Paço das Artes, São Paulo, SP,
2000
Individual. Galeria Referência, Brasília, DF,
Escultura Contemporânea. Museu de Arte Moderna de São Paulo, SP,
Individual. Valu Ória Galeria de Arte, Belo Horizonte, MG,
1999
Individual. Galeria Referência, Brasília, DF,
Individual. Ária Galeria, Recife, PE,
Individual. Kolams Galeria de Arte, Belo Horizonte, MG,
1998
Individual. Centro Cultural, Palácio da Abolição, Fortaleza, CE,
1997
Individual. Valu Ória Galeria de Arte, São Paulo, SP,
1996
Individual. Mosteiro Zen Budista, Morro da Vargem e UFES, Vitória, ES,
1995
Gravuras, Pinturas e Objetos. Fundação Cultural Cassiano Ricardo, São José dos Campos, SP,
Individual. Joel Edelstein Arte Contemporânea, Rio de Janeiro, RJ,
Luiz Hermano: objetos. Marina Potrich Galeria de Arte, Goiânia, GO,
1994
Esculturas para Vestir. Museu de Arte Moderna de São Paulo, SP,
1993
Objetos e Gravuras. Epiphanienkirche, Charlottenburg, Berlim, Alemanha,
1992
Pinturas, Objetos e Gravuras. Galeria Montesanti-Roesler, São Paulo, SP,
1991
Arte no Metrô: gravuras. Estação Santa Cecília, São Paulo, SP,
Imagem Objeto. Museu de Arte Contemporânea da Universidade de São Paulo, SP,
1989
Projetos para dias de chuva. Galeria Fogo Paulista; Museu da Gravura Cidade de Curitiba, PR,
1987
Astronave: Pinturas. The Brazilian American Cultural Institute, Washington, USA,
Astronave: Pinturas. Art Studio, Nova York, USA,
Aeroplanos: Pinturas. Arte Galeria, Fortaleza, CE,
Aeronaves: Pinturas. Galeria Montesanti, São Paulo e Rio de Janeiro, RJ,
1986
Bélico: Pinturas. Unidade Dois Galeria de Arte, São Paulo, SP,
1985
Criança: Pinturas. Paço das Artes, São Paulo, SP,
1984
Individual. Paço das Artes, São Paulo, SP,
Gravuras e Pinturas. Galeria Debret, Paris, França,
Pinturas. Arte Galeria, Fortaleza, CE,
1983
Individual. Museu de Arte e Cultura Popular, Cuiabá, MT,
Gravuras e Pinturas. Fundação Cultural, Brasília, DF,
1982
Gravuras. Museu de Arte Contemporânea da Universidade de São Paulo, SP,
Individual. Casa da Gravura, Curitiba, PR,
Individual. Galeria ELF, Belém, PA,
1981
Gravuras. Masp, São Paulo, SP,
1979
Desenhos. Masp, São Paulo, SP,
1978
Individual. Galeria Credimus, Fortaleza, CE,