Renata Basile

Brasil, 1962
Renata Basile

Nasceu em Casa Branca/São Paulo, 1962.

Nascida em Casa Branca – SP, Renata Basile é artista visual. Iniciou sua pesquisa artística com os processos de reprodução de imagem tais como: carimbos artesanais e de madeira, cologravura, monotipia, xilogravura, fotogravura, pochoir e gravura em metal. Estudou com Evandro Jardim, Regina Silveira e Carlos Fajardo. Além disso, é graduada em Artes Plásticas pela Fundação Armando Álvares Penteado, FAAP.

Em suas gravuras, lida com as questões de multiplicidade da imagem, suporte e espacialidade. Recebeu o Prêmio Aquisição na International Print Trienial de Cracóvia na Polônia.

Tem gravuras nos acervos da Fundação Cultural de Curitiba, SESC São Paulo, Centro Cultural São Paulo, International Print Triennial Society, Polônia, Museu Nacional de Havana, Cuba e Museun of Print Art, Polônia.

Nas palavras de Waldemar Zaidler:

 “ … em outras de suas obras, sem que percebamos e com delicadeza singular, Renata nos induz à contemplação da materialidade da linha no tempo e no espaço.

Impressas agora em tecido, a repetição ordenada das linhas – que sobre o papel sugeria topografias virtuais -, oferece-nos um relevo concreto, maleável, plástico, engendrado a partir da fusão entre as ondulações, dobras e desdobras do pano e as linhas de tinta, cujos desenhos rigorosamente imperfeitos e simetricamente desiguais elevam a extremos o prazer que seguir caminhos proporciona à maioria dos olhos.

Do papel (pasta fibrosa) para a cambraia (fibras têxteis), e desta para a tarlatana (fios trançados em trama aberta, trapo rústico utilizado na limpeza das matrizes de cobre): neste outro suporte, Renata nos propõe um jogo entre representação e apresentação. As linhas de tinta confundem-se e fundem-se aos fios da tarlatana. Sobrepostos em camadas, os trapos impressos revestem-se a si próprios com transparências, profundidades, novas tramas; as linhas impressas somadas aos fios concretos dos trapos se organizam, assim, em objeto ímpar, mas ainda francamente afiliado ao universo da gravura. …”

Cronologia

Principais Exposições
2017
Alta Resolução. Meio Século (1966-2015), Artistas premiados na Trienal Internacional de Gravura de Cracóvia - Hungria
Coletiva Entrepáginas, Janaína Torres Galeria - SP
2016
Coletiva do Acervo, Galeria Gravura Brasileria - SP
Coletiva do Acervo, Ateliê Galeria Priscila Mainieri - SP
2015
Desdobramentos, Ateliê Galeria Priscila Mainieri - SP
2014
Ponto Múltiplo, Ateliê Galeria Priscila Mainieri - SP
2013
Linhas de Fuga, acervo SESC de Arte Contemporânea, SESC Vila Mariana - SP
2012
Individual na Galeria AVA, 2ª edição do projeto SP Estampa
2011
Mulheres Artistas do Acervo SESC de Arte Brasileira, SESC de São Carlos - SP
Gravura Brasileira: Novas Aproximações, Galeria L’oeil - SP
Atelier Aberto, SP Estampa,
2010
5ª Bienal Internacional de Gravura Douro, Alijó - Portugal
International Print Triennial, Horst Janssen Museum - Alemanha
2009
10 Anos, Lançamento do Álbum Comemorativo 10 Anos da Galeria Gravura Brasileira
2008
Brazilian Contemporary Printmakers, Hillyer’s Art Space, Washington DC
Brazilian Contemporary Printmakers, La Curtiduria e IAGO - Mexico
Brazilian Contemporary Printmakers, Fundación Sebastian - Cidade do México
Brazilian Contemporary Printmakers, Museu de Arte InbaJuarez
2007
Brazilian Contemporary Printmakers, Pratt Institute e Goloborotko’s Studio - Nova York
Oniforma coletiva, Centro Cultural São Paulo
2006
Gravuras, Espaço Annablume - SP
Prints, Goloborotko’s Studio - Nova York
2005
In Images We Speak, projeto de intercâmbio entre Brasil/Holanda, Amsterdams Grafisch Atelier
Novas Gravuras, Galerie Michèle Broutta e Cité Internationale des Arts - França
, Individual na Galeria Gravura Brasileira - SP
2004
Contemporary Brazilian Print, Atelier Tactile Bosch - País de Gales
2003
Traços e Formas na Gravura Brasileira Contemporânea, Casa Guayasamin - Cuba
Curto Circuito, 16 Gravadores Brasileiros, Galeria Gravura Brasileira - SP
2002
Zeichen der Gegenwart, Viena Art Center - Áustria
2001
International Print Triennial “Bridge to the Future”, Cultural City Network - Áustria
Meridiani/Meridianos, Pinacoteca Benedito Calixto, Santos, SP
2000
Prêmio Especial, International Print Triennial, Cracóvia - Polônia
XII Mostra da Gravura de Curitiba, XII Mostra da Gravura de Curitiba - PR
1999
10th International Print Biennial, Varna - Bulgária
Novas Imagens: São Paulo-Milão, Galeria Venti Correnti, Milão - Itália
Novas Imagens: Gravura Contemporânea, Museu Universitário de Arte, Uberlândia - MG
Novas Imagens: São Paulo – Milão, Centro Cultural São Paulo
1998
Meridiani/Meridianos, Derbylius Galeria de Arte, Milão - Itália
, Individual, Galeria SESC Paulista
1997
A Arte Contemporânea da Gravura, Museu Metropolitano de Arte, Curitiba - PR.
, Individual, Galeria União Cultural Brasil-Estados Unidos - SP
Gravuras, Museu de Arte Contemporânea do Paraná
1996
, Individual, Galeria Passagem-Consolação- SP
1995
XI Mostra da Gravura Cidade de Curitiba, Mostra Brasil, Curitiba
NovoSpaço 95, Paço das Artes - SP
1994
1a Bienal Nacional de Gravura, São José dos Campos
1990
2o Prêmio Metropolitana Fiat, Espaço Cultural Metropolitana - SP
1989
, Atelier Aberto, coletiva no Atelier de Arriet Chahin - SP
1987
In-Formação / A Gráfica Contemporânea, Espaço de Exposições Humberto Tecidos - SP
Novos Valores, Galeria de Arte do SESI - SP
1985
XVII Anual de Artes Plásticas, FAAP - SP
, Coletiva de Artistas, Galeria Itaú de Ribeirão Preto - SP
, Exposição/Eventos, Salão Cultural da FAAP - SP

Nenhum artigo sobre esse artista no momento.