Exposições e Eventos

A Gentil Carioca inaugura exposições de Novíssimo Edgar e Rose Afefé

Por Equipe Editorial - maio 21, 2024
42 0
Pinterest LinkedIn

A Gentil Carioca tem o prazer de anunciar as exposições “Arqueologia de si”, de Novíssimo Edgar, e “A vergonha quase me tirou a memória”, de Rose Afefé. As individuais ocorrem paralelamente nos dois prédios da galeria do Rio de Janeiro, a partir do dia 18 de maio.

Em Arqueologia de si, Edgar propõe um léxico próprio composto por formas, símbolos e cores. Este vocabulário, que habita na interseção entre produções históricas/culturais de diferentes sociedades, surge de uma busca do artista por suas origens: “Estou fazendo uma escavação dentro de mim mesmo para poder encontrar uma civilização perdida, o que bate em questões de ancestralidade, colonialismo e diáspora”. Com texto crítico de Tamar Clarke-Brown, curadora da Serpentine Gallery em Londres, a exposição apresenta um conjunto de obras inéditas entre esculturas, pinturas em tecido e objetos elaborados manualmente pelo artista. Segundo Tamar, “Novíssimo abraça o método arqueológico para levar adiante suas investigações sobre o ‘devir’, tecendo fios ancestrais e memoriais para gerar novas formações”.

As obras presentes em A vergonha quase me tirou a memória surgem a partir de recortes das muitas recordações que Rose carrega de sua vida e infância no interior da Bahia. A artista, que em 2018 realizou a obra Terra Afefé – uma microcidade levantada com terra na região da Chapada Diamantina – traz desdobramentos da poética desse território em pinturas e instalações inéditas: “Afefé surge como um processo de investigação artística sobre a minha própria vida, tudo se mistura e pouco se explica, a única coisa que posso compartilhar com você, com toda certeza de quem viveu, é que eu me desenvergonhei. Espero que as minhas vergonhas tenham alguma serventia de pulsar coragem aí.” Para aqueles que não estão familiarizados com a prática de Rose Afefé, o artista Luiz Zerbini, que assina o texto de apresentação da mostra, declara: “Para quem não sabe, ela é a mulher que construiu uma cidade sozinha”.

Sobre a Gentil Carioca

A Gentil Carioca é uma galeria de arte contemporânea fundada em 2003. Tem como maior objetivo fazer-se um lugar para pensar, produzir, experimentar, celebrar e comercializar a arte.
No Centro Histórico do Rio de Janeiro, no Saara, a galeria está situada em sobrados dos anos 1920. Já sua sede paulistana fica em Higenópolis.

Serviço

Novíssimo Edgar: Arqueologia de si
Visitação: até 24 ago 2024
Terça a sexta, das 12h às 18h
Sábados: de 12h às 16h
A Gentil Carioca RJ
Rua Gonçalves Lédo, prédio 11, Centro – Rio de Janeiro – RJ

Rose Afefé: A vergonha quase me tirou a memória
Visitação: até 24 ago 2024
Terça a sexta, das 12h às 18h
Sábados: de 12h às 16h
A Gentil Carioca RJ
Rua Gonçalves Lédo, prédio 17, Centro – Rio de Janeiro – RJ

Leia também: Museu de Arte do Rio (MAR) inaugura exposição “TÊTA”, de Lidia Lisbôa

Não foi possível salvar sua inscrição. Por favor, tente novamente.
Sua inscrição foi bem sucedida.

Você quer receber informações sobre cultura, eventos e mercado de arte?

Selecione abaixo o perfil que você mais se identifica.

Inscrever
Notificar de
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
Veja todos os comentários