Galerias e Eventos

Mostra 3M de arte retorna ao Parque Ibirapuera

A partir de 25 de junho, é possível conferir gratuitamente a Mostra 3M de Arte no Parque Ibirapuera.

Por Equipe Editorial - junho 9, 2022
156 0
Pinterest LinkedIn

Em sua décima primeira edição, a Mostra 3M de Arte retorna ao Parque Ibirapuera com produções expostas ao ar livre, que integram arte, história e pertencimento, através da perspectiva de quatro artistas convidados e dois selecionados via edital. Com patrocínio da 3M do Brasil pela Lei de Incentivo à Cultura, a exposição ficará em cartaz de 25 de junho a 24 de julho.

Com curadoria de Camilla Rocha Campos, artista, escritora e co-diretora do Instituto 0101 Art Platform, onde promove experiências a partir da arte afrodiaspórica, e de João Simões, curador adjunto desta edição e também membro do 0101 Art Platform, as obras da 11ª Mostra 3M de Arte contemplam a temática Cor, Calor, Valor, que remete ao corpo, à emoção e memória de comunidades ancestrais e acontecimentos passados, e reflete sobre a questão histórica do tempo. “Essa Mostra 3M de Arte é uma caminhada importante na afirmação da arte que pode ser ao mesmo tempo simples, comunicativa, lúdica e profunda. Os artistas trazem posicionamento social, colocando em poesia visual responsabilidades diárias de reivindicações de valores éticos, memória coletiva e o direito de compor o presente”, pontua Camilla Rocha Campos.

Mostra 3M
Parque do Ibirapuera. Foto: parquedoibirapuera.org

“Esta edição dá mais um passo em seu processo de inovação permanente, sempre conectada com temas sociais urgentes, democratizando o acesso às artes e engajando talentos diversos”, afirma Luiz Serafim, Head de Marca da 3M, que patrocina a Mostra desde o seu início.

Dentre os quatro convidados para este ano, a dupla Denise Ferreira da Silva e Arjuna Neuman apresenta Conjurando, instalação localizada às margens do lago do parque. Trata-se de uma embarcação virada com uma vela de mais de 25 m², que entra em confronto com a paisagem do local, ligada diretamente ao Monumento às Bandeiras, de Victor Brecheret. Em colaboração com as coletivas Periferia Segue Sangrando, de São Paulo, e Mulheres de Pedra, do Rio de Janeiro, a obra é uma forma de confronto coletivo com a história do Brasil. “A mágica do trabalho está no fato de a vela ser um objeto fora do lugar dentro da paisagem do parque, abrindo todas as possibilidades de chamar a atenção e tirando o foco do monumento, dos prédios e dos carros passando atrás”, afirma Denise Ferreira da Silva.

Rincon Sapiência também é um dos chamados da mostra. Ori, Defesas & Espadas é a primeira escultura realizada pelo artista. Montada perto do Planetário, é uma pirâmide de três faces mascaradas, — destruidora, criadora e preservadora –, como símbolo forte de representação histórica, com espadas-de-são-jorge ao topo, significando a proteção da mente e conexão com a espiritualidade. “A expectativa é provocar um diálogo com o público sobre a importância do cuidado com a saúde mental, sempre visando o engrandecimento e a reação das pessoas a partir de uma situação adversa. Quero trazer a mesma sensação que eu costumo passar com a música através da arte plástica”, comenta Rincon.

Quando Aqui Era Aqui é a resposta de Maria Thereza Alves ao convite da Mostra 3M de Arte. A partir da vegetação do Ibirapuera, a artista aborda a necessidade de entender a nomenclatura original desta flora, que carrega o nome de cientistas homens europeus em forma de homenagem, mas cresce em territórios indígenas, negligenciados pela sociedade. Para isso, serão colocadas 26 grandes placas mostrando os nomes das plantas em guarani. Também haverá um workshop ministrado por Ke´y Rusú Katupyry e Verá Poty Resakã sobrea linguagem indígena da vegetação do Ibirapuera. “Este trabalho é uma oportunidade de aprendizado sobre os nomes das plantas antes da tomada dos territórios e da destruição de matas, e ainda é uma forma de repensar a colonização do Brasil”, pontua Maria Thereza.

Selecionado pelo edital, DUDX hasteia 13 bandeiras da comunidade LGBTQIA+ ao redor da Praça da Paz para compor Bibal, tornando o local um espaço de acolhimento e debate sobre identidade de gênero e sexualidade livre. “Minha participação na Mostra é a tentativa de abrir espaço para falarmos sobre estes assuntos em um espaço tão conservador como o Ibirapuera”, comenta DUDX.

De Simões Filho (BA), também escolhido via edital, Augusto Leal, busca despertar em O Jogo! reflexões sobre as relações de poder da sociedade e a operação do racismo no Brasil. A instalação de 24 traves de gol em madeira, em diferentes tonalidades, variando do branco ao preto, representa como o mito da meritocracia justifica a violência de corpos negros. “Quero trazer, através da ludicidade, do imaginário e da interação, questionamentos sobre temas mais complexos”, afirma Leal.

“Com estas obras e temas tão atuais e pertinentes, a Mostra 3M de Arte cada vez mais se firma como catalisadora de arte em espaços públicos, promovendo e ampliando debates urgentes na sociedade por meio da cultura”, comenta Fernanda Del Guerra, diretora da Elo 3 e realizadora da Mostra 3M de Arte.


Serviço

Mostra 3M de Arte
Parque Ibirapuera
De 25 de junho a 24 de julho
Horário: das 5h à meia noite
Av. Pedro Álvares Cabral – Vila Mariana. São Paulo – SP
Classificação livre, entrada gratuita


Leia também!
Inhotim tem nova programação com exposição de artistas renomados

Não foi possível salvar sua inscrição. Por favor, tente novamente.
Sua inscrição foi bem sucedida.

Você quer receber informações sobre cultura, eventos e mercado de arte?

Selecione abaixo o perfil que você mais se identifica.

Inscrever
Notificar de
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
Veja todos os comentários