Artes Plásticas

Meu álbum de retratos

Por Paulo Varella - julho 23, 2012
2928 0
Pinterest LinkedIn

Quem é o artista? Keyla Sobral
O que vai ter na exposição? desenhos (nanquim s/ papel), gifs animados, objeto e instalação
Quantas obras serão expostas? 14 trabalhos
Até quando? 15 de setembro

A Galeria do Ateliê inaugura dia 27 de julho, às 19h, “Meu álbum de retratos”, primeira exposição da artista paraense Keyla Sobral no Rio de Janeiro, que inclui ainda trabalhos da série Desenho Fotográfico, de 2011 (Nanquim s/papel, 42 x 59 cm), com a qual Keyla foi selecionada para o II Prêmio Diário Contemporâneo de Fotografia do ano passado. A série Desenho Fotográfico pensa a fotografia, sem a fotografia em si. São anotações da artista de uma relação vivida, onde a fotografia é a memória afetiva, o único bem que restou.

A curadoria e texto da exposição é de Orlando Maneschy, também paraense, artista e curador. Para Orlando, “Keyla Sobral vem constituindo um percurso de consistência ao longo de sua produção artística, no qual o desenho emerge como forma de relação com o ambiente em que se encontra, em um reflexo do seu estar no mundo e fruto de uma resposta atenta e ética a ele.”

Keyla Sobral é artista visual, editora e fundadora da revista eletrônica “Não-Lugar” (www.naolugar.com.br). Seu percurso artístico começa no início dos anos 2000 e de lá para cá vem participando ativamente em mostras coletivas e individuais no Pará, São Paulo e Rio Grande do Sul. Recebeu a Bolsa para o exterior de Pesquisa, Criação e Experimentação do IAP(2006, Wiesbaden, Alemanha) onde desenvolveu e expôs individualmente o projeto Memories; recebeu ainda a Bolsa de Pesquisa em Arte da Fundação Ipiranga (2008/9, PA) e a Bolsa de Pesquisa, Criação e Experimentação do IAP em 2011. Realizou trabalho exclusivo para a Fundação Iberê Camargo (2011, RS) exposto na Revista Lugares.

Não foi possível salvar sua inscrição. Por favor, tente novamente.
Sua inscrição foi bem sucedida.

Selecione abaixo o perfil que você mais se identifica.

Estudou cinema na NFTS (UK), administração na FGV e química na USP. Trabalhou com fotografia, cinema autoral e publicitário em Londres nos anos 90 e no Brasil nos anos seguintes. Sua formação lhe conferiu entre muitas qualidades, uma expertise em estética da imagem, habilidade na administração de conteúdo, pessoas e conhecimento profundo sobre materiais. Por muito tempo Paulo participou do cenário da produção artística em Londres, Paris e Hamburgo de onde veio a inspiração para iniciar o Arteref no Brasil. Paulo dirigiu 3 galerias de arte e hoje se dedica a ajudar artistas, galeristas e colecionadores a melhorarem o acesso no mercado internacional.

Inscrever
Notificar de
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
Veja todos os comentários