photoarts gallery
À venda

Chove, Há Silêncio I

Photoarts Gallery
Chove Há Silêncio I

Roberto da CostaSeguir

Tamanho 135 x 90
Valor Estimado R$ 1.461

Chove, Há Silêncio I

Roberto da Costa com a câmera em diferentes situações registra a forma e a impressão da realidade que o cerca. Suas escolhas sejam elas registros urbanos, naturais, ou retratos, resultam em imagens que, pelo seu impulso de exploração e experimentação da linguagem fotográfica, se tornam abstratos da realidade, num jogo de luz e sombra, cor e forma.

A efemeridade da chuva, assim como qualquer instante passageiro da vida, é uma das imersões e a intenção artística de Roberto, como também para Alfred Stieglitz, fotógrafo americano do inicio do século XX. Sob o estado-chuva: estado de ser mais poético, bucólico, diluíveis, véu por onde as coisas se limpam, se reciclam, se fortalecem no existir. Chove, há silêncio.

  • Tamanho: 90 × 135 cm
  • Acabamento: Metacrilato padrão-galeria com 5 mm de espessura em impressão fine art

Roberto da Costa

Roberto da Costa

Roberto da Costa é brasileiro e atualmente vive e trabalha em Guarulhos. Frequentou a Escola Panamericana de Arte e Design em São Paulo, trabalhando como designer gráfico para jornais, revistas, agências de comunicação visual e editoras.

Há 12 anos vem se dedicando exclusivamente à arte,  se desenvolvendo principalmente na área da fotografia, apesar de ser um artista multimídia. Em seus trabalhos, as fotos deixam de ser apenas registros e passam a ser um símbolo de um instante, registro da impressão de um momento no tempo e espaço.

São majoritariamente cores e formas que se condensam e interagem, criando uma imagem de seu imaginário criativo: “Intuitivamente experimento técnicas artísticas com a finalidade de encontrar um viés entre meu imaginário e a realidade…”

Photoarts Gallery

photoarts gallery

A paixão por arte começou nos anos 90 quando Paulo Varella ainda morava na Europa e frequentava o cenário artístico de Londres. O contato com as galerias e artistas foi intenso e a questão do acesso à arte sempre foi algo que o instigou, pois a equação entre artistas querendo vender e colecionadores querendo comprar nunca fechou.

Extremamente restrito, o mercado de arte se baseia na comercialização de obras em peças únicas ou em poucos múltiplos que são vendidos para colecionadores potenciais, instituições e museus por preços incalculáveis. Por que então não fazer algo que seja acessível e ainda autêntico e original?

A Photoarts então foi fundada na esperança de criar um mercado de arte menos excludente, tanto aos artistas como aos colecionadores, e mais acessível à maioria, propiciando ao surgimento de uma nova geração de colecionadores e amantes da fotografia e das artes.

A Photoarts representa uma grande variedade de imagens de mais de 60 fotógrafos nacionais e estrangeiros que permitem a comercialização de suas fotografias.  Desta maneira a equação se fecha e mais pessoas podem possuir autênticas obras de arte.

As obras produzidas e selecionadas por nossa equipe permitem que o colecionador seja inspirado por uma variedade de cores, formas, paisagens e motivos que se sinta convidado a vivenciar o prazer de colecionar excepcionais fotografias artísticas.

Como resultado desse movimento, a Photoarts hoje conta com uma equipe especializada com um controle de qualidade impecável.