Palestras

Seminário Colecionismo no Brasil no Século XXI

Por Equipe Editorial - setembro 3, 2012
2290 0
Pinterest LinkedIn

ARTE!BRASILEIROS discute o Colecionismo no Brasil no Século XXI em seminário com nomes importantes do cenário nacional e internacional

A revista ARTE!Brasileiros realiza seu primeiro seminário internacional, em 04 de setembro, no Auditório Ibirapuera, com o apóio da Prefeitura de São Paulo e Itaú Cultural, para discutir o “Colecionismo no Brasil no Século XXI”, com a participação de especialistas nacionais e internacionais do mundo da arte, como Cecilia Fajardo-Hill (curadora chefe do Museum of Latin American Art –MOLAA), EUA;  Ella Fontanals-Cisneros (colecionadora e fundadora da Cisneros Fontanais Art Foundation – CIFO), EUA;  Eduardo Costantini (fundador, colecionador e presidente do Malba – Fundación Costantini, Museo de Arte Latinoamericano de Buenos Aires), Argentina; Patrick Charpenel (curador, colecionador e diretor da coleção JUMEX), México e Christine Buhl Andersen (diretora do KOS Museum of Art in Public Spaces e chairperson da Associação de Museus Dinamarqueses), Dinamarca.

Num momento em que se investe no Brasil, na construção de espaços institucionais públicos e privados – museus, parques temáticos, acessibilidade – e em caminhos de inclusão social e democratização da cultura, ARTE!Brasileiros abre o debate sobre a importância de pensar e criar novos e eficientes canais de conteúdo.

“Como ter acesso as grandes coleções? Como os colecionadores podem obter incentivos para expor suas obras? É necessário e possível, hoje, os museus e as instituições, adquirirem obras para seus acervos? Que estratégias e soluções contemporâneas podem colaborar com o acesso da produção artística ao público?“, questiona Patricia Rousseaux, diretora editorial da ARTE!Brasileiros e sócia fundadora da Brasileiros Editora.

Estes e outros temas relevantes para o mundo das artes visuais estarão em pauta no encontro que reunirá, pela primeira vez, proeminentes personalidades,  diretores de museus, colecionadores, críticos de arte, curadores e autoridades governamentais do Brasil e do exterior.

O seminário é dividido em quatro painéis e momentos de relacionamento:

PAINEL 1 – A Importância de diretrizes políticas e de política públicas para a formação de coleções com Marcelo Mattos Araújo (secretário estadual de Cultura de São Paulo), Calos Augusto Machado Calil (secretário municipal de Cultura de São Paulo), José do Nascimento Júnior (presidente do Instituto Brasileiro de Museu – IBRAM), Patricia Rousseaux (sócia da Brasileiros Editora e diretora editorial da revista ARTE/Brasileiros) e Leonor Amarante (curadora e editora da revista ARTE/Brasileiros).

PAINEL 2 – A formação de coleções públicas e privadas com Cecilia Fajardo-Hill (curadora chefe do Museum of Latin American Art –MOLAA), EUA, Fábio Magalhães (museólogo), Sofia Fan (gerente do núcleo de artes visuais do Instituto Itaú Cultural) e Frederico Morais (crítico de arte, historiador e curador).

PAINEL 3 – O que podemos fazer para que grandes coleções privadas tenham acesso ao público com Ella Fontanals-Cisneros (colecionadora e fundadora da Cisneros Fontanais Art Foundation – CIFO), EUA, Eduardo Costantini (fundador, colecionador e presidente do Malba – Fundación Costantini, Museo de Arte Latinoamericano de Buenos Aires), Patrick Charpenel (curador, colecionador e diretor da coleção JUMEX), México, João Carlos de Figueiredo Ferraz (fundador e mantenedor do Instituto Figueiredo Ferraz) e Jean Boghici (colecionador e marchand).

PAINEL 4 – Formas contemporâneas de difusão: Programas educacionais, acervos digitais, patrimônio imaterial e ações efêmeras com Christine Buhl Andersen (diretora do KOS Museum of Art in Public Spaces e chairperson da Associação de Museus Dinamarqueses), Dinamarca, Martin Grossmann (diretor do Instituto de Estados Avançados da Universidade de São Paulo e professor titular da Escola de Comunicações e Artes – ECA), João Candido Portinari (diretor do Projeto Portinari), Jochen Volz (diretor artístico do Inhotim – Instituto de Arte Contemporânea e Jardim Botânico) e Stela Barbieri (curadora educacional da Fundação Bienal de São Paulo e diretora da Ação Educativa no Instituto Tomie Othake.

Inscrições: http://www.revistabrasileiros.com.br/seminario-cadastre-se/

Não foi possível salvar sua inscrição. Por favor, tente novamente.
Sua inscrição foi bem sucedida.

Você quer receber informações sobre cultura, eventos e mercado de arte?

Selecione abaixo o perfil que você mais se identifica.

Inscrever
Notificar de
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
Veja todos os comentários