Você sabe qual a diferença entre Rococó e Barroco?

Imagem: Afresco em estilo rococó, no interior do Palácio de Nymphenburg, Munique, Alemanha

O Rococó é um movimento artístico nascido na França, no início do século XVIII, cerca de 1715. O fenômeno é uma vertente oriunda do Barroco; porém, diferente no ponto de vista. O termo rococó vem do francês rocaille, que quer dizer, concha. Essas, cumprem funções de decoração, que engloba as áreas da arquitetura e da ornamentação de objetos.

Os movimentos que estavam consolidados na Europa, na época, eram o Arcadismo e o Barroco. O Rococó surgiu como uma forma pejorativa da arte barroca, pois o movimento era totalmente destinado às construções religiosas. A arte do Rococó, aos poucos, foi se introduzindo na sociedade europeia, na pintura, decoração de interiores e etc.

SAIBA MAIS – Barroco (XVI-XVIII)

SAIBA MAIS – Rococó (1715 – 1774) – Barroco

Ele se caracterizava pelas curvas e cores suaves e também pelo conteúdo das obras, que agora reproduziam imagens de festas nobres, além de retratar uma sociedade que almeja a felicidade, alegria e prazeres que a vida pode oferecer. Os grandes palácios receberam o design da arte das conchas.

As características do rococó são de texturas sempre suaves e cores claras. Os tons de dourados e a cor pastel, nas pinturas e decorações de interiores e objetos como: mesas, cadeiras, camas, cômodas e mobílias, etc. Outra característica do rococó é a retratação da vida de deleites dos nobres. Diferentemente das construções barrocas, as do rococó possuem maior leveza.

Aleijadinho (Antônio Francisco Lisboa), 1730-1814, Ouro Preto, Minas Gerais. | BARROCO

obra-de-aleijadinho-2-900x423

O Rococó, ainda na arquitetura, apresentava atributos que se assemelhavam ao do mundo real, as paisagens desenhadas e as representações da natureza, normalmente, pintadas nos tetos. Essa arte, por não seguir a mesma linha do barroco – que trabalhava com elementos da religiosidade, foi considerada uma arte fútil, pejorativa.
Havia vários artistas em destaque, que aderiram ao rococó, que são: Jean-Antoine Watteau, Jean-Honoré Fragonard, Antônio Francisco Lisboa (Aleijadinho), François Boucher, entre outros.

No Brasil, a arte rococó se manifestou também por um dos mais ilustres artistas, o Aleijadinho. Antônio Francisco Lisboa foi escultor, entalhador e arquiteto. Ele fez muitos trabalhos de escultura, em que lidava com artigos religiosos, reproduzindo estátuas de anjos, de Cristo, de Nossa Senhora, a estátua do Profeta Ezequiel e etc.

Além disso, Aleijadinho também fazia muitos trabalhos esculpindo e talhando retábulos, púlpitos, fachadas para as igrejas. Antônio Lisboa criava suas obras de arte, tanto no Barroco quanto no Rococó. Algumas de suas invenções, a maioria na cidade de Ouro Preto, são: o Chafariz do Palácio dos Governadores, em Ouro Preto – MG; quatro anjos para a Igreja de Nossa Senhora do Pilar, em Ouro Preto – MG; castiçais para o santuário de Bom Jesus de Matosinhos e outros.

Via: Arte Barroca

Veja também:

Os 8 principais movimentos artísticos do século XX

Joy de Paula109 Posts

É aquela que faz tudo. Liga os pontos dentro do Arteref. Ela fala com artistas, colunistas e assessores e escreve as notícias. Faz com que tudo tenha sentido dentro de um portal que foi feito para ajudar a todos a entender um pouco mais sobre arte.

0 Comments

Leave a Comment

Login

Welcome! Login in to your account

Remember me Lost your password?

Lost Password