Arte no Mundo

15 fatos sobre Leonardo da Vinci você talvez não saiba.

As curiosidades de um gênio do renascimento que vão divertir você.

Por Equipe Editorial - maio 14, 2019
4391 0
Pinterest LinkedIn

Leonardo di Ser Piero da Vinci, ou simplesmente Leonardo da Vinci , nasceu no vilarejo de Anchiano (parte da comuna de Vinci na região da Toscana no dia, 15 de abril de 1452.

Cidade de Vince na Toscana
Cidade de Vince na Toscana

Ele foi uma das figuras mais importantes do Alto Renascimento, que se destacou como cientista, matemático, engenheiro, inventor, anatomista, pintor, escultor, arquiteto, botânico, poéta e músico. 

É ainda conhecido como o percursor da aviação e da balística. Leonardo frequentemente foi descrito como o arquétipo do homem do Renascimento, alguém cuja curiosidade insaciável era igualada apenas pela sua capacidade de invenção. É considerado um dos maiores pintores de todos os tempos e como possivelmente a pessoa dotada de talentos mais diversos a ter vivido.

Verrocchio
Andrea di Francesco di Cione, conhecido como Andrea del Verrocchio, (1435 – 1488) foi um artista florentino italiano que esteve ativo durante a Renascença. Era escultor, ourives e pintor, e trabalhou na corte de Lorenzo de Médici.

Nascido como filho ilegítimo de um notário, Piero da Vinci, e de uma camponesa, Caterina, em Vinci, na região da Florença, foi educado no ateliê do renomado pintor florentino, Verrocchio. Passou a maior parte do início de sua vida profissional a serviço de Ludovico Sforza (Ludovico il Moro), em Milão; trabalhou posteriormente em Veneza, Roma e Bolonha, e passou seus últimos dias na França, numa casa que lhe foi presenteada pelo rei Francisco I.

Aqui colocamos uma lista de fatos interessantes sobre Leonardo da Vinci.

1 – Seu maior projeto – às vezes chamado de “cavalo de Leonardo” – foi destruído.

Leonardo passava anos trabalhando em uma única obra de arte – A Última Ceia demorou três anos. Mas foi uma encomenda do Duque de Milão que provou ser seu comissionamento mais complexo.

Estudos sobre o cavalo de da Vinci
Estudos sobre o cavalo de da Vinci

Solicitado a criar uma estátua de 6 metros de altura do pai do duque a cavalo, Leonardo trabalhou por quase 17 anos nos planos e no modelo. Antes que pudesse ser concluída, as forças francesas invadiram Milão em 1499 e atiraram na escultura de barro, quebrando-a em pedaços.

2 – Leonardo gostava de escrever ao contrário por uma razão simples.

As centenas de páginas de cadernos pertencentes a Leonardo que sobreviveram ao tempo revelam um curioso hábito do artista: ele escrevia ao contrário, revertendo sua caligrafia para que só fosse legível se a página fosse vista de um espelho. Apesar de alguma suspeita de que ele estava tentando esconder algo, a verdade é que, por ser canhoto, ele podia evitar manchar ou apagar o giz com as mãos quando escrevia ao contrário. (Pesquisas recentes confirmaram o que alguns suspeitavam há muito tempo: Leonardo era ambidestro e ocasionalmente escrevia com a mão direita.)

escrita de leonardo da vinci
Louisa Gouliamaki (AFP/Getty Images)

3 – Leonardo da Vinci foi um músico talentoso

Ele cantava e tocava lira e flauta em reuniões da nobreza e nos palácios de seus patronos.

Seus manuscritos sobreviventes contêm algumas de suas composições musicais também. O artista costumava ouvir música enquanto pintava. De acordo com seus próprios escritos, Leonardo considerava a música estreitamente relacionada às artes visuais, já que era similarmente dependente de um dos cinco sentidos, ainda que menos duradouro do que uma pintura.

Música de Leonardo da Vinci

4 – Bill Gates é dono da única cópia do manuscrito chamado Codex

Bill Gates é dono da única cópia do manuscrito ilustrado de 72 páginas de Da Vinci, o Codex Leicester, também conhecido como Codex Hammer, que reside fora da Europa. A coleção tem vários nomes em homenagem ao Conde de Leicester ou Armand Hammer, seus antigos proprietários. O bilionário da Microsoft comprou caderno de notas com tema científico em um leilão da Christie’s em meados dos anos 90, por quase US $ 40 milhões. O trabalho, que inclui páginas que Da Vinci escreveu entre 1506 e 1510 em Milão e Florença. O caderno de notas cobre tópicos tão diversos quanto a difusão de luz e reflexões sobre por que a lua é luminosa e um estudo sobre hidrodinâmica.

5 – A última ceia sobreviveu milagrosamente algumas vezes

A descrição que Leonardo fez de Jesus e seus apóstolos logo após Jesus ter proclamado “um de vocês vai me trair” é obra mais conhecida depois da Mona Lisa.

última ceia de Leonardo da Vinci

Já famosa na época, com os europeus fascinados pela composição e muitas vezes tentando replicá-la em outros meios.

O fato da obra ainda estar em exibição no Convento de Santa Maria delle Grazie, em Milão, é um milagre.

Quando a França invadiu Milão em 1499, houve uma discussão se os franceses a arrancariam da parede para que o rei pudesse leva-la para casa com ele.

Em 1796, mais soldados franceses atiraram pedras nela. Em 1943, quando as forças aliadas bombardearam a cidade, os guardas da igreja reforçaram o muro de pintura, na esperança de que fosse suficiente para mantê-la segura. A igreja foi severamente danificada, mas a Última Ceia não foi prejudicada.

6 – Leonardo nunca terminou a Monalisa

Embora Leonardo fosse prolífico, nunca teve pressa em terminar projetos individuais. Muitas pinturas e outras obras foram abandonadas ou consideradas incompletas, incluindo um de seus projetos mais famosos, a Mona Lisa.

Quando Leonardo morreu em 1519, a pintura (entre outras) parecem ter terminado com seu assistente e amigo próximo, Salai. Alguns historiadores da arte especularam que uma doença debilitante poderia ter resultado em paralisia do lado direito que teria dificultado seu trabalho nos últimos anos de sua vida.

Andrea Salaì
Gian Giacomo Caprotti da Oreno, mais conhecido como Salai (1480 – 1524), foi um artista italiano e aluno de Leonardo da Vinci de 1490 a 1518. Salaì entrou na vida de Leonardo aos dez anos de idade. Ele criou pinturas sob o nome de Andrea Salaì.

7 – Uma acusação de Sodomia o levou a sumir por 2 anos.

A Itália da Idade Média não era particularmente progressista. Depois que um jovem Leonardo mostrou sua aptidão para a arte desde cedo, ele logo foi recebido pelo aclamado artista Andrea del Verrocchio em Florença. As aspirações de Leonardo foram temporariamente prejudicadas quando ele e vários outros jovens foram acusados do crime de sodomia, o que poderia tê-lo levado à sua execução.

A acusação anônima de sodomia com prostituto masculino de 17 anos (Jacopo Saltarelli) feita contra Leonardo (e outros dois acusados), quando ainda se encontrava na oficina de Verrocchio. Dois meses depois Leonardo foi liberado por falta de provas.

Leonardo_da_Vinci_-_Saint_John_the_Baptist
São João Batista é uma pintura a óleo em madeira de nogueira de Leonardo da Vinci feita no período da Alta Renascença. Provavelmente completada de 1513 a 1516, acredita-se que seja a sua pintura final. O tamanho original da pintura era de 69 x 57 cm. Agora é exibido no Musée du Louvre em Paris, França

Depois disso ele desapareceu por dois anos. Ele ressurgiu para receber uma comissão em uma capela em Florença em 1478.

A controvérsia sobre a sexualidade de Leonardo da Vinci parte das informações sobre as relações pessoais de Leonardo, provenientes de registros históricos e dos escritos dos seus muitos biógrafos, cuja disposição para discutir os aspectos relacionados com a identidade sexual do artista variou com as atitudes da época em que viveram. O biógrafo Vasari, descreve dois belos jovens como “amados” de Leonardo em vários pontos dos escritos sobre a sua vida. No século XX, vários biógrafos tornaram mais explícita a referência à homossexualidade de Leonardo, embora outros tenham concluído que em grande parte da sua vida, Leonardo foi celibatário.

8 – Leonardo dissecava corpos

Para Leonardo, não havia barreira entre a ciência e a arte, ou entre o coração e a mente. Seus estudos da anatomia humana o ajudavam na sua arte. Na década de 1480, seu interesse em replicar os tendões e a musculatura do corpo levou-o a realizar numerosas dissecações de humanos e animais. Acredita-se que suas representações do coração, sistema vascular, órgãos genitais e outros componentes são algumas das primeiras ilustrações de seu tipo registradas.

Estudos de anatomia de Leonardo da Vinci
Estudos de anatomia de Leonardo da Vinci

9 – Leonardo e Michelangelo não se davam nada bem

Michelangelo viveu na mesma época que Leonardo e os dois não se davam nada bem. Relatos históricos descrevem os homens como rivais artísticos, provocando um ao outro em seus métodos. Michelangelo insultou Leonardo por sua incapacidade de concluir certas obras ( principalmente o seu famoso cavalo); Leonardo criticava seu oponente por usar uma musculatura exagerada em suas esculturas.

Michelangelo x Da Vinci
Michelangelo x Da Vinci

10 – As últimas palavras de Leonardo foram de extrema humildade

As últimas palavras de Leonardo da Vinci foram:

“ofendi a Deus e a humanidade, fazendo muito pouco da minha vida”.

11 – Leonardo realizou interessantes estudos sobre as árvores

Há mais de 500 anos, Leonardo da Vinci fez uma observação interessante sobre as árvores. Ele concluiu que a espessura total dos galhos de uma árvore é igual à espessura total do tronco da árvore. Árvores em muitas espécies obedecem a essa regra.

12 – Ele era um defensor dos animais

Leonardo da Vinci costumava comprar animais enjaulados no mercado apenas para libertá-los

13 – Existem poucas pinturas de Leonardo existentes

Apesar de ser um dos pintores mais famosos da história, apenas 15 pinturas de Leonardo da Vinci são conhecidas. O pequeno número de pinturas sobreviventes se deve em parte à experimentação frequentemente desastrosa de Leonardo com novas técnicas e sua crônica procrastinação.

14 – Ele vestia lagartos de dragão

Leonardo da Vinci vestia lagartos como dragões para assustar as pessoas. Ele “prendia as escamas no lagarto, mergulhava-o em mercúrio, de modo que eles tremiam conforme se moviam, adicionava olhos maiores, um chifre e uma barba e, depois, mostrava a seus amigos para apavorá-los” ( fonte)

15 – Leonardo e Maquiavel fizeram um plano para mudar o rio Arno

Leonardo da Vinci e Maquiavel elaboraram um plano para, juntos, mudar a direção / fluxo do rio Arno em Pisa, eles falharam.

Quer saber mais? Aqui vai um resumo com alguns fatos rápidos:

Existe uma versão nua da Monalisa

Um aluno de Leonardo da Vinci pintou uma versão nua da Mona Lisa, chamada Monna Vanna.

Mona Vanna
Mona Vanna. Gian Giacomo Caprotti da Oreno, mais conhecido como Salaì, foi um artista italiano e aluno de Leonardo da Vinci de 1490 a 1518. Salaì entrou na casa de Leonardo aos dez anos de idade. Ele criou pinturas sob o nome de Andrea Salaì
  • Leonardo da Vinci nasceu em 15 de abril de 1452 e morreu em 2 de maio de 1519. Ele era italiano.
  • Diferente de um sobrenome típico que você possa imaginar hoje, “da Vinci” significa simplesmente “da Vinci”, a cidade da Toscana onde ele nasceu.
  • Ele viveu durante o Renascimento, um movimento cultural que levou a importantes desenvolvimentos em áreas como arte e ciência.
  • Leonardo da Vinci é talvez mais conhecido como pintor, com seus trabalhos lendários, incluindo a Mona Lisa, o Homem Vitruviano e a Última Ceia, entre outros.
  • Leonardo da Vinci não era apenas um artista incrível, ele era um inventor, cientista, matemático, engenheiro, escritor, músico e muito mais. Talentoso é pouco!
  • Seus desenhos conceituais incluíam planos para instrumentos musicais, máquinas de guerra, calculadoras, barcos e outras idéias. Muitos desses planos foram limitados pelo nível de tecnologia da época.
  • O vôo era de particular interesse para da Vinci. Ele estudou o vôo dos pássaros e criou planos para máquinas voadoras que se assemelham a asas-deltas e helicópteros.
  • Muitas das máquinas de Leonardo da Vinci já foram construídas e testadas, com níveis variados de sucesso.
  • Ele se tornou um especialista na anatomia do corpo humano, estudando-o em detalhes e criando centenas de desenhos para ajudar a explicar seus pensamentos.
  • O Homem Vitruviano é um desenho de Leonardo da Vinci que descreve a relação entre as proporções humanas e a geometria.
  • Da Vinci ao contrário, o que significa que você precisa de um espelho para lê-lo corretamente.
  • A Mona Lisa é talvez a pintura mais conhecida do mundo. É um retrato de meio-comprimento de uma mulher que, juntamente com a composição, antecedentes e outros detalhes, tem sido objeto de muita especulação e discussão. Acredita-se que Leonardo da Vinci começou a pintar a Mona Lisa por volta de 1503. Ela está em exibição permanente no Museu do Louvre, em Paris, há mais de 200 anos.
  • As famosas citações de Leonardo da Vinci incluem: “Aquele que pensa pouco, erra muito”.
  • “O desenho é baseado na perspectiva, que nada mais é do que um conhecimento profundo da função do olho.”
  • “Eu sei que muitos vão chamar isso de trabalho inútil.”

Deixe um comentário

avatar
  Inscrever  
Notificar de