Bienal

Bienal 2016: Jorge Menna Barreto e seu jogo de palavras

Por Gabriel Cardozo - agosto 16, 2016
15227 0
Pinterest LinkedIn

Artista e pesquisador, Jorge tem investigado a relação do trabalho de arte com o seu contexto e os possíveis desdobramentos das práticassite-specific na atualidade, além da absorção acrítica do termo e conceito no contexto brasileiro.

O trabalho do artista envolve a palavra, a escrita e a crítica – ou não crítica – para questionar a maneira como o espectador se coloca diante do conteúdo apresentado. As obras não são postas como verdade absolutas, considerando que a interpretação ou a sensibilidade do observador diante delas é fundamental para o entendimento de cada um.

Nas palavras da curadora Galciani Neves: “Jorge Menna Barreto infiltra-se para acionar uma espécie de antinomia da palavra – contraditoriamente, do individual para o universal, da singularidade própria de umque quer avançar para o todo e qualquer um que se encaixe, forçadamente, em uma dada categoria.”

Outro assunto presente tanto nos trabalhos quanto nas pesquisas do artista, é a questão referência x influência na produção artística da contemporaneidade.

Jorge é professor adjunto no Instituto de Artes da UERJ. Doutor em Poéticas Visuais pela ECA/USP. Entre suas exposições coletivas estão a Bienal de Havana em 2000; Projeto Rumos Itaú Cultural em 2002; Bienal do Mercosul em 2001 e 2009; Panorama da Arte Brasileira, MAM-SP em 2011. Entre as individuais, destacam-se a do Centro Cultural São Paulo em 2004 e Paço das Artes 2007. Foi membro do grupo de críticos de arte do Centro Cultural São Paulo de 2008 a 2010, onde também atuou como curador. Em 2014, participou do programa School of Missing Studies da 31a Bienal de São Paulo

Fonte

Veja também:

Bienal 2016: a arte voltada à preservação ecológica de Bené Fonteles

 

 

Não foi possível salvar sua inscrição. Por favor, tente novamente.
Sua inscrição foi bem sucedida.

Você quer receber informações sobre cultura, eventos e mercado de arte?

Selecione abaixo o perfil que você mais se identifica.

Inscrever
Notificar de
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
Veja todos os comentários