6 artistas famosos que cometeram suicídio

1
12791

Diane Arbus (1923-1971): Fotógrafa americana

Tomou uma dose letal de barbitúricos e depois cortou os pulsos.

Perle Fine, Artist. The Cool Series paintings
A young man with curlers at home on west 20th street (Diane Arbus)

__________________________________________________

Jeremy Blake(1971-2007): Pintor e artista digital americano.

Entrou no Oceano Atlantico e se afogou uma semana depois de sua namorada cometer suicídio

Jeremy Blake e sua namorada 

__________________________________________________

 Frida Kahlo(1907-1954): Pintora Mexicana

É quase certo de que ela morreu com uma overdose de remédios para dor, a causa da morte em sua certidão de óbito foi embolia pulmonar.

frida-kahlo-900x700-2
Frida Kahlo, gelatin silver print (Oct. 16 / 1932)

Perle Fine, Artist. The Cool Series paintings

_________________________________________________

Alfred Maurer (1868-1932): Pintor Americano

Se enforcou no batente da porta do banheiro de seu pai.

Alfred Maurer
xx900x700-2
Maurer: Rock away beach 1901(wikipedia)

__________________________________________________

Vincent van Gogh(1853-1890): Pintor holandês

Morreu dois dias depois de ter atirado em seu peito.

Vincent Van Gogh
Vincent Van Gogh
Obra de Van Gogh (wikicommons)

__________________________________________________

Ray Johnson (1927-1995): Pintor e artista performático Americano.

Cometeu um “Raycídio” em uma sexta-feira 13, pulando da ponte “Sag Harbor” e saiu nadando de costas até desaparecer.

ray_johnson-900x700
Ray Johnson (Wikipédia)
ray_johnson-moma
Ray Johnson (Moma)

__________________________________________________

Se este artigo te deixou meio deprimido. Clique aqui em “como evitar pensamentos suicidas”.

ou veja este vídeo da School of Life

 

Veja também:

Os 8 principais movimentos artísticos do século XX

Artigo anteriorAs melhores pinturas do Grande Gustav Klimt.
Próximo artigoComo aprender sobre grafitti no Beco do Batman
Estudou cinema na NTFS( UK), Administração de Empresas na FGV e Química na USP. Trabalhou com fotografia, cinema autoral e publicitário em Londres nos anos 90 e no Brasil desde então. Sua formação lhe conferiu entre muitas qualidades, uma expertise em estética da imagem, habilidade na administração de conteúdo e pessoas e conhecimento profundo sobre materiais. Por muito tempo Paulo participou do cenário da produção artística em Londres, Paris e Hamburgo de onde veio a inspiração para iniciar o Arteref no Brasil: Um local para unir pessoas com um mesmo interesse, a arte contemporânea. Faz o contato e organiza encontros com os curadores, artistas e colecionadores que representam o conteúdo do qual falamos no Arte Ref

Comente:

Please enter your comment!
Please enter your name here