marketing

Como diferenciar o seu site de arte da concorrência?

Por Paulo Varella - fevereiro 3, 2022
167 0
Pinterest LinkedIn

Como transmitir calor e gerar interesse em seu site de arte para tornar seu trabalho mais memorável. Nesta matéria vamos analisar como ser eficaz e destacar você atrav´és do uso da sua personalidade.

Você está querendo lançar seu novo site de arte ou melhorar o seu atual?

Um dos principais objetivos dos artistas é o desejo de preencher seu site com um texto personalizado e que transmita efetivamente algo interessante ao visitante.

Se você possui este objetivo, já deve ter começado a olhar o que outros artistas estão fazendo online. Em caso afirmativo, você provavelmente concluiu que muitos desses sites parecem muito semelhantes entre si. É raro encontrar um artista cuja voz se destaque.

Como e como começar?

Há muitas maneiras de fazer isso, desde elementos de texto menores, como seu slogan, seus títulos e call to action, até o tipo de texto que você usa para fazer com que as pessoas se inscrevam em sua newsletter ou leiam seu blog (caso você tenha um), para páginas maiores, como sua página inicial, sobre ou galeria, ou onde quer que você venda em seu site.

De longe, um dos caminhos mais rápidos para se destacar entre o enorme mar de sites de outros artistas é usar a personalidade no texto do seu site. Não que você seja louco(a) ou estranho(a), mas simplesmente por deixar sua personalidade brilhar.

O que você quer é ser lembrado(a). Um texto que envolve o potencial comprador em um nível emocional, e que crie uma conexão humana. Você quer dar aos seus visitantes uma experiência.

O que vemos com muita frequência, são textos sem graça que não se envolve com o leitor. Na maioria, os sites de arte apresentam toneladas de imagens com descrições curtas de produtos, informações sobre como encomendar e nada mais.

Como diferenciar o seu site
foto: jacqueline kelly/ pexels

Eu sou tão culpado desse erro quanto qualquer outra pessoa.

Quando eu criei o meu primeiro site anos atrás, fiz a mesma coisa. Todo o texto, quando havia, era monótono, genérico e chato. Era sem brilho e esquecível. Poderia ter sido escrito por qualquer outra pessoa.

Como resultado, quase ninguém interagiu, se inscreveu na newsletter ou leu o blog.

Foi só quando descobri o público que eu queria atender e o que eles estavam procurando. Neste momento eu comecei a entender o que era importante e o site começou a tomar força.

Mas, o mais importante, eu comecei a escrever do jeito que falo, compartilhando meu senso de humor e deixando minha personalidade transparecer no texto do meu site, blog, newsletter e todas as minhas outras comunicações.

Foi quando as coisas começaram a progredir. Com isto começaram a aparecer mais consultas, um aumento no número de assinantes da newsletters e leitores de blog felizes que regularmente me procuravam para me dizer quanto valor eles tiraram da leitura.

Conclusão

O que os textos nos bons sites de empresas que nos atraem têm em comum? Eles são memoráveis. São evocativos. Eles transmites calor, alma e, principalmente, a personalidade da empresa.

Eles comunicam acessibilidade e ajudam a fazer uma conexão emocional com o potencial comprador. E se você for este potencial comprador, estes sites fazem você querer ficar e explorar o resto, mesmo que você não esteja planejando comprar nada agora.

Links relacionado: 3 regras fundamentais para vender arte online

Acima de tudo, o mais importante é a combinação de texto, fotografia, gráficos e as histórias que estes sites escolhem para contar, trabalham juntos para criar uma experiência que ressoará com o potencial comprador. Isso é o que você quer.

Você não precisa de uma tonelada de text em seu site para fazer a sua personalidade trabalhar para você. Indicadores de personalidade e conexão humana podem vir desde a história do fundador, suas descrições de produtos, imagens suas criando sua arte ou em uma exposição de arte interagindo com clientes, suas postagens de blog, seu slogan e todas as outras partes do seu site que, entrelaçados, expressam quem você é o que você tem a oferecer aos seus clientes.

Portanto, se você puder adicionar personalidade às descrições de seus produtos, páginas de vendas, textos, e-mails, atualizações de status de mídia social e todos os outros conteúdos que você escreve para o seu negócio, você estará à frente de um jogo “chato e esquecível”, que todos jogam. Você se envolverá mais do seu público ideal e gerar mais interesse em sua arte.

Fonte:

Não foi possível salvar sua inscrição. Por favor, tente novamente.
Sua inscrição foi bem sucedida.

Você quer receber informações sobre cultura, eventos e mercado de arte?

Selecione abaixo o perfil que você mais se identifica.

Estudou cinema na NFTS (UK), administração na FGV e química na USP. Trabalhou com fotografia, cinema autoral e publicitário em Londres nos anos 90 e no Brasil nos anos seguintes. Sua formação lhe conferiu entre muitas qualidades, uma expertise em estética da imagem, habilidade na administração de conteúdo, pessoas e conhecimento profundo sobre materiais. Por muito tempo Paulo participou do cenário da produção artística em Londres, Paris e Hamburgo de onde veio a inspiração para iniciar o Arteref no Brasil. Paulo dirigiu 3 galerias de arte e hoje se dedica a ajudar artistas, galeristas e colecionadores a melhorarem o acesso no mercado internacional.

Inscrever
Notificar de
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
Veja todos os comentários