Exposições e Eventos

ArtRio realiza o CIGA – Circuito Integrado de Galerias de Arte 

Evento acontece no dia 11 de fevereiro

Por Equipe Editorial - fevereiro 8, 2023
287 0
Pinterest LinkedIn

A ArtRio realiza, dia 11 de fevereiro, o O CIGA – Circuito Integrado das Galerias de Arte: um roteiro de galerias e espaços culturais com uma agenda rica com exposições, debates e visitas guiadas. O CIGA nasceu com o objetivo de aproximar cada vez mais o público carioca e os visitantes da cidade das artes visuais. Sua última edição presencial foi realizada em 2019 e nos últimos anos, por conta da pandemia, a agenda aconteceu de forma virtual.

Serão 13 espaços, todos com acesso gratuito, com uma programação diversificada para atender todos os públicos.

“2023 será um ano recomeço, renovação, reencontro. Queremos já começar a agenda da ArtRio convidando as pessoas a participar do CIGA, descobrir novas formas e linguagens de arte, debater sobre novos temas e interagir. Entendemos a importância do estímulo à visitação de galerias e espaços culturais como uma forma de incorporar a arte no dia a dia de todos”, indica Brenda Valansi, presidente da ArtRio.

Conheça o CIGA Verão, promovido pela ArtRio

Mul. ti. plo Espaço Arte – Rua Dias Ferreira 417, sala 206 – Leblon, de 12h – 14h

Visita guiada a exposição “Rotação e Translação”, de José Resende
Um dos maiores nomes da arte contemporânea brasileira, José Resende apresenta 14 obras inéditas em materiais como latão, mola latonada, cobre e cabo de aço. Confirme sua presença: +55 21 20420523 (WhatsApp)


Nara Roesler – Rua Redentor 241 – Ipanema, das 14h – 15h

Visita guiada a sua exposição “Despois que entra ninguém sai”
O artista Thiago Barbalho fará nesse horário uma visita guiada a sua exposição “Despois que entra ninguém sai”, com curadoria de Raphael Fonseca. A galeria estará aberta nesse dia das 11h às 18h.

Primeira individual do artista na capital carioca, traz trabalhos recentes nos quais o artista investiga as possibilidades do desenho em papel, tela e também através da escultura. Thiago tem despontado no cenário nacional com seus desenhos em grandes folhas de papel completamente cobertas por intrincadas formas em uma trama de narrativas a serem compostas pelo olhar do público. Foi o único artista brasileiro a integrar o compêndio de desenho contemporâneo Vitamin D3, editado pela Phaidon em 2021.


Silvia Cintra + Box 4 – Rua das Acácias 104 – Gávea, das 14h — 16h

Exposição de acervo com obras de artistas como Amílcar de Castro, Bruno Cançado, Cadu e Nelson Leirner.


Galeria Movimento – Rua dos Oitis 15 – Gávea, das 13h — 18h

Encerramento da exposição “Dias melhores, VERÃO”, com o artista Pedro Carneiro, participante da coletiva, atuando como DJ durante o dia.


Anita Schwartz Galeria de Arte – Rua José Roberto Macedo Soares, 30Gávea, das 15h – 16h

Visita guiada à exposição “Outro Lugar”, do fotógrafo Pedro Andrade, com cerca de 21 fotografias, com registros de culturas e comunidades que ainda mantêm suas tradições, apesar das pressões da globalização. Essa é a primeira vez que Pedro apresenta seu trabalho autoral em fotografia, ao qual se dedica há 20 anos.

E encerramento com visita guiada à exposição “Gestos de Contato”, com presença da artista Liana Nigri e exibição do vídeo Ovo-Mundo. Nesta mostra a artista traz um conjunto de obras, que orbitam em torno do gesto de modelar como ato escultórico. Entre desenhos, esculturas, vídeo e fotografia, o corpo feminino é elemento fundante para a criação de obras que desdobram as formas tangíveis da pele em deformações poéticas.


Danielian Galeria – Rua Major Rubens Vaz, 414 – Gávea, das 11h – 17h

Encerramento da exposição “Mulherio”, com mais de 60 obras que trazem a presença de corpos femininos na produção de 38 artistas brasileiras de diferentes gerações. Entre as artistas estão Anna Bella Geiger, Adriana Varejão, Adrianna Eu, Iole de Freitas e Panmela Castro.


Carpintaria – Rua Jardim Botânico, 971, Jardim Botânico – das 16h – 17

Adriana Varejão e Valeska Soares conversam sobre Ivens Machado

ArtRio
Adriana Varejão no Carpintaria. Crédito: Vicente de Mello

“Tucci Russo 1983” apresenta, pela primeira vez no Brasil, cinco esculturas de Ivens Machado expostas originalmente em Turim na Galleria Tucci Russo. Russo foi um antológico marchand italiano dedicado a promover expoentes da arte póvera, e as obras de Machado compartilham com o movimento a fusão da fatura manual com procedimentos industriais, a reabilitação de materiais da construção civil, e a reintrodução de uma fisiologia corporal e carga libidinal nos espaços de arte.


C.Galeria – Rua Visconde de Carandaí, 19 , Jardim Botânico – das 14h — 17h

Encerramento da exposição coletiva “SEIVA”, com curadoria de Catarina Duncan, reunindo artistas representados e convidados com obras em torno do conceito de natureza e de possibilidades de vida na terra.14h — 17h



Portas Vilaseca Galeria – Rua Dona Mariana 137, casa 2 – Botafogo, das 14h – 18h

Inauguração da programação “Verão na Vila” com a exposição “Dogma”, do artista Arthur Palhano e curadoria de Clarissa Diniz. A mostra reúne trabalhos que o artista vem desenvolvendo ao longo dos últimos três anos, apresentando um recorte transversal que, ao entrecruzar obras de diferentes linguagens, temas e épocas, dá a ver alguns dos principais interesses e procedimentos de sua obra.




Martha Pagy Escritório de Arte – Av Rui Barbosa – Flamengo, das 17h – 19h

Visita guiada e conversa com Anna Bella Geiger, Joe Seiler e Thainan Castro, que participam das exposições DESAGUAR e À DERIVA.
Agendamento pelo telefone 21.98141-3234 (whatsapp)



MT Projetos de Arte – Rua Gomes Freire 242, Lapa – 14h – 18h

Encerramento e visita guiada da exposição “O Nascimento das Tupiniquins”, com a artista Rafael Matheus Moreira.

A produção recente de Rafael é resultado de suas vivências e da transição que experimenta. Sua chegada ao Rio, vinda de Belém, permite-lhe contato com a boemia da Lapa e seus personagens, fornecendo novos subsídios para a representação do corpo travesti, tema que atravessa, simultaneamente, sua vida e obra.

Nesta exposição, Rafael recria cenas clássicas da pintura, especialmente na série Nascimento de Vênus, para subverter o padrão hegemônico de beleza ocidental, erodindo suas bases. Transitando entre Sandro Botticelli e Indianarae Siqueira, suas pinturas inscrevem e proclamam uma nova estética, a partir dos corpos manipulados, esculpidos, que dissipam certezas, insinuam mistérios e convidam a outras formas de existir, amar e lutar.


Centro Cultural Inclusartiz – Rua Sacadura Cabral 333, Centro – 16h

O espaço abre ao público sua nova exposição – “Da Avenida à Harmonia: mais de um século de carnaval no Centro do Rio de Janeiro”. A partir da escolha curatorial por investigar um século das mais diversas manifestações do carnaval carioca — especialmente na região Central do Rio de Janeiro –, a coletiva divide-se em três eixos: de registros fotográficos históricos da controversa Belle Époque tropical da década de 1920, passando pela icônica série “Carnaval”, de Carlos Vergara, aqui exibida em um recorte especial pensado pelo próprio artista junto à Victor Gorgulho, curador-chefe do Instituto Inclusartiz, chegando, por fim, a uma festiva e labiríntica teia de pinturas, vídeos, esculturas e demais produções contemporâneas, de jovens artistas como Mulambo e Melissa Oliveira, que nos apresentam à atualizadas e renovadas versões desta que é uma das maiores festas do planeta.

Registros e objetos históricos (pertencentes a arquivos públicos como o Arquivo Nacional, a Biblioteca Nacional e mais) também integram a exposição, que tem curadoria de Victor Gorgulho (curador-chefe da instituição) & Equipe do Instituto Inclusartiz.


Solar dos Abacaxis – Rua do Senado 48, a partir das 18h e A Gentil Carioca – Rua Gonçalves Ledo 17

O Abre Alas 18 vai ter o cortejo Reviravolta de Gaia, do coletivo #florestadecristal + bateria Balança Mas Não Cai. A concentração acontece às 20h30 no Solar dos Abacaxis com saída às 21h para A Gentil Carioca. A partir das 18h o Solar já recebe o público com DJ.

ArtRio
Abre Alas, no Centro

O cortejo “Reviravolta de Gaia” e parte do Carnaval da Aurora Sincera, que acontecerá nos dias 10 e 11 de fevereiro na sede do Solar dos Abacaxis e que também contará com uma oficina de máscaras.

O evento Abre Alas, d’A Gentil Carioca, é a primeira mostra do calendário de atividades da galeria no ano. O nome “Abre Alas” remete ao carro que inaugura o desfile das escolas de Samba. O projeto é uma exposição que nasceu com o intuito de abrir espaço para jovens artistas. Com o tempo, a exposição passou a incluir a participação de artistas do mundo todo. Nessa, que é sua 18ª edição, o evento contou com mais de 500 inscrições e 29 artistas foram selecionados pela comissão de seleção, composta por Bruna Costa, Lia Letícia e Vivian Caccuri.

Considerando as dezoito edições, o Abre Alas contou com a participação de aproximadamente 400 artistas brasileiros e estrangeiros, como por exemplo: Aleta Valente, Amanda Mei, Arjan Martins, Bárbara Wagner, Bernardo Ramalho, Brenda Valansi, Camila Soato, Daniel Steegmann, Gabriela Mureb, Guga Ferraz, Jaime Lauriano, Keyna Eleison, Maria Laet, Maria Nepomuceno, Maxwell Alexandre, Mulambo, Rafael Adorján, Rodrigo Torres, entre outros.


Leia também: Vem aí a SP–Arte 2023

Não foi possível salvar sua inscrição. Por favor, tente novamente.
Sua inscrição foi bem sucedida.

Você quer receber informações sobre cultura, eventos e mercado de arte?

Selecione abaixo o perfil que você mais se identifica.

Inscrever
Notificar de
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
Veja todos os comentários