Fotografia

Fernanda Young: “A Louca debaixo do branco”

Por Equipe Editorial - setembro 26, 2012
4045 0
Pinterest LinkedIn

Quem é o artista? Fernanda Young
O que vai ter na exposição? Imagens e vídeos.
Até quando? 18 de novembro

Fernanda Young lança no MIS exposição que investiga as manifestações amorosas.

Escritora inaugura mostra A Louca Debaixo do Branco no dia 2 de outubro, às 19h. Concebida como um livro-instalação por Diógenes Moura, a exposição investiga a construção do mito amoroso através da personificação da noiva, figura central do novo romance homônimo da artista.
A Louca Debaixo do Branco é o novo projeto da escritora, roteirista e apresentadora Fernanda Young, que poderá ser conferido pelo público, a partir do dia 2 de outubro, no Museu da Imagem do Som, instituição da Secretaria de Estado da Cultura. Concebida como um livro-instalação por Diógenes Moura, diretor artístico do projeto, A Louca Debaixo do Branco investiga a construção do mito amoroso através da personificação da noiva, figura central do novo romance homônimo escrito por Young -o décimo da sua carreia.
Resultado de quase dois anos de trabalho, a exposição usa a figura da noiva como objeto de investigação do amor, afinal, como define Fernanda: “só no amor somos iguais. Somos os mesmos quando amamos, quando somos abandonados, quando sofremos, quando desconfiamos que deixamos de amar”.  Vestida de noiva, Fernanda Young mostra na exposição que suas imagens são verdadeiros autorretratos diante da sua dor, do seu amor, do desamor e do amor dos outros.
Nesta reflexão, ela mesma é o espelho de todo o processo expográfico, que conta com coleções particulares, textos, poemas, bordados, diários, vídeos e interação via internet entre o público e a autora. Além disso, o livro-instalação traz uma iconografia selecionada na coleção do crítico e pesquisador Rubens Fernandes Junior, imagens gentilmente cedidas pela Galeria FASS dos fotógrafos Jean Manzon e Martin Chambi e ensaios de fotógrafos como Bob Wolfenson, Hidelbrando de Castro, Daniel Klajmic, Ludovic Carème, Paulo Vainer, Henrique Gendre, entre outros. Além de quatro vídeos (dois da artista, um de Raquel Zimmermann e um de Cláudio Belizário) e um filme de Rodrigo Bernardo.
O livro-exposição evidencia ainda a relação de Fernanda com a moda. Embora não siga tendências, confessa amar vestido de noivas e para os ensaios fotográficos usou belas criações de Bibi Barcellos, Carolina Glidden Gannon, Emannuelle Junqueira, Monica Figueiredo, Rodrigo Rosner, Samuel Cirnansck e Solaine Piccoli.
O internauta que quiser interagir com a exposição poderá acessar o endereço www.aloucadebaixodobranco.com.br e entrar no link “Louca e Louco Fórum” que dá acesso a três temáticas postadas pela artista. Dentro deste processo, a interação se transforma e um desenho gráfico que se modifica em tempo real, online e na exposição.

SOBRE FERNANDA YOUNG

Começou sua carreira em 1995 como roteirista do programa televisivo A Comédia da Vida Privada, da Rede Globo. No ano seguinte, Fernanda lançou seu primeiro romance, Vergonha dos Pés. Em 2001, após o lançamento de seu quarto romance, O Efeito Urano, Fernanda retomou a carreira de roteirista de televisão, com Os Normais. Entre 2002 e 2003, Young co-apresentou, ao lado de Rita Lee, Mônica Waldvogel e Marisa Orth, o programa feminino Saia Justa no canal a cabo GNT. Em 2004, lançou uma coletânea poética, Dores do Amor Romântico. Por quatro anos, de 2006 a 2010, apresentou no canal GNT o programa Irritando Fernanda Young, de entrevistas com celebridades. Foi indicada ao Emmy Internacional, de melhor comédia, pelo seriado “Separação?!” (Rede Globo, 2010). É casada com o roteirista e escritor Alexandre Machado, com quem teve as gêmeas Cecília Madonna e Estela May. Tem dois filhos adotivos, Catarina Lakshimi, nascida em 10 de novembro de 2008, e John Gopala, nascido em 21 de julho de 2009.

LIVROS PUBLICADOS

2009 – O Pau – Ed. Rocco
2007 – Tudo que Você Não Soube – Ed. Ediouro
2005 – Melhores Momentos de Os Normais Ed. Objetiva
2005 – Dores do Amor Romântico (poesias) – Ed. Ediouro
2004 – Aritmética – Ed. Ediouro
2001 – O Efeito Urano – Ed. Objetiva
2000 – As Pessoas dos Livros – Ed. Objetiva
1998 – Cartas para Alguém Bem Perto – Ed. Objetiva
1997 – A Sombra das Vossas Asas – Ed. Objetiva
1996 – Vergonha dos Pés – Ed. Ediouro
Como atriz e apresentadora
2012- Confissões do Apocalipse (no ar) – GNT
2011 – Duas Histéricas (como apresentadora) – GNT
2006 a 2010 – Irritando Fernanda Young (como apresentadora)- GNT
2002 a 2003 – Saia Justa (como apresentadora) – Canal GNT
1991 – O dono do mundo.- Jurema (como atriz) – Rede Globo
1989 – Iaiá Garcia – minissérie – Rede Globo

TRABALHOS COMO ROTEIRISTA

2011 – Macho Man (seriado)
2010 – Separação?! (seriado)
2008 – Nada Fofa (especial de fim de ano)
2007 – O Sistema (seriado)
2006 – Minha nada mole vida (seriado)
2005 – Super Sincero (quadro do Fantástico)
2004 – Os Aspones (seriado)
2001 a 2003 – Os Normais (seriado)
1995 – A comédia da vida privada

CINEMA

Como roteirista
2009 – Os Normais 2 – A Noite Mais Maluca de Todas
2006 – Muito Gelo e Dois Dedos d’Água
2003 – Os Normais – O Filme
2000 – Bossa Nova (filme)

TEATRO

Como autora e atriz
2009 – A Ideia (monólogo)
Como autora
2008 – Vergonha dos Pés

FICHA TÉCNICA

Direção artística: Diógenes Moura
Projeto expográfico, de comunicação visual e dos materiais de comunicação da mostra: Julien Sappa – Trafik
Projeto gráfico do livro: Edu Hirama
Editora do livro: Rocco Editora
Produção gráfica: Jairo da Rocha – Finale
Realização: Luciana Meili – GIRO

FOTOS DE ACERVO COLEÇÕES PARTICULARES

Acervo família Andrade
Coleção particular Rubens Fernandes Jr.
Jean Manzon
Martin Chambi

ARTISTAS PLÁSTICOS

Barbara Chiré
Beto Carrazone
César Trinca
Hildebrando de Castro
Mestre Julio Santos
Ricardo Goldammer

FOTÓGRAFOS DE ENSAIOS FOTOGRÁFICOS COM FERNANDA YOUNG

Bob Wolfenson
Claudio Belizario
Daniel Klajmic
Debby Gram
Estela May
Giovanna Cassis
Gustavo Zylbersztajn
Henrique Gendre
Jairo Goldflus
Luanna Jimenes
Ludovic Carème
Marcio Simnch
Paulo Ferreira
Paulo Vainer
Pedro Molinos
Sergio Menezes

AUDIOVISUAIS

1.        Rodrigo Bernardo / “A História da Noiva Fantasma” – fotografia de Athanasios Kalogiannis
2.        Claudio Belizário / “Vestir o Desejo do Outro Despir”
3.        Raquel Zimmerman / “A Noiva do Farol”
4.        Fernanda Young em produção caseira / “Noiva Vestida”
5.        Fernanda Young em produção caseira / “Noiva Nua” (este último com trilha sonora original de Pitty)

Não foi possível salvar sua inscrição. Por favor, tente novamente.
Sua inscrição foi bem sucedida.

Você quer receber informações sobre cultura, eventos e mercado de arte?

Selecione abaixo o perfil que você mais se identifica.

Inscrever
Notificar de
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
Veja todos os comentários