mercado

Como ser representado por uma Galeria de Arte?

Mesmo com o avanço da internet essas instituições apresentam grande importância no mercado.

Por Equipe Editorial - novembro 20, 2020
50 0
Pinterest LinkedIn

Por se tratar de uma das dúvidas mais comuns dos artistas quando ingressam no mercado, separamos 7 dicas sobre como ser representado por uma galeria de arte.

A internet tem ajudado muito os artistas a possuírem uma carreira mais independente. Hoje, eles podem ter seus trabalhos divulgados em suas redes sociais, marketplaces e sites pessoais; é possível se destacar online por conta própria.

Entretanto, as galerias de arte ainda possuem grande importância no mercado. Os principais benefícios que os artistas representados recebem são: validação, assessoramento e suporte técnico.


1. Seja específico na escolha da galeria

As galerias de arte são diferentes entre si. Você não deve “disparar” para todos os lados na esperança de ser aceito por uma.

Procure uma galeria que esteja alinhada com seu trabalho (se for mais de uma, se concentre nelas). Faça essa pesquisa e procure entender como sua arte se encaixaria nessa instituição. 

É importante lembrar que a galeria quer vender. Ela precisa ver como você pode dar um retorno satisfatório. Se você não puder demonstrar como pode agregar, dificilmente será aceito.


2. Esteja presente e visível para a galeria

Você precisa se esforçar para estar presente nos eventos realizados pela galeria que você tem interesse; acompanhar as programações.

São nesses eventos que você pode estabelecer contatos com os artistas e funcionários dela.

Não se esqueça de postar fotos das aberturas, exposições, e assinar os livros de presença. Essas atitudes te colocam “no radar” da galeria.

Como ser representado por uma galeria; Agora Gallery

3. Fortaleça sua autoridade online

Jogue seu nome no Google. Pesquise por obras de artistas brasileiros parecidas com as suas. O que aparece como resultado?

É muito importante que você gerencie sua carreira online de forma ativa

Ter um site com todas as suas obras, descrições, currículo e declaração de artista é bastante importante.

Ser “validado” por outros canais também, ou seja, aparecer na publicação de alguma exposição, numa residência artística, num marketplace, etc. Escreverem sobre você é uma ótima forma de desenvolver autoridade no mercado.

Dificilmente um curador ou galerista vão “descobrir” o seu trabalho se você não estiver exposto de alguma forma.

Arte online

4. Crie e fortaleça sua rede de contatos

Se conecte com outros artistas, curadores, críticos. Apoie o trabalho deles.

Algumas galerias não publicam convites para inscrições de artistas, e a única maneira de entrar é por meio de uma indicação. 

Reserve um tempo pra construir relacionamentos neste meio das artes. Preste atenção em quem está próximo a você.

Bons relacionamentos podem te levar a lugares que você não conseguiria sozinho.


5. Pesquise antes de enviar seu Portfólio

Algumas galerias definem horários ou datas para revisar portfólios. Pesquise e tenha certeza de seguir os protocolos que elas estabelecem.

Conheça os nomes do diretor, curador e proprietário. Mencione seu histórico de obras, declaração de artista, site e por que você acha que sua arte se encaixa bem na galeria. 

Faça um convite para que apareçam em seu Ateliê.

Art Dealers; como ser representado por uma galeria
Hero Images / Getty Images

6. Não peça para ser representado

Caso a galeria não divulgue um calendário de análise de portfólios, entre em contato pedindo uma avaliação de seu trabalho.

Pedir um feedback te coloca no radar da galeria e não é muito agressivo. 

Não se esqueça que muitos artistas mandam diariamente seus currículos para as galerias pedindo por uma chance de serem representados. Fugir desse tipo de abordagem pode ser bastante útil para você se destacar.


7. Não coloque seu trabalho em qualquer lugar

Restaurantes e cafeterias não são lugares interessantes para expor seu trabalho.

Você vai chamar mais a atenção de um agente do mercado se tiver uma obra numa exposição coletiva ou sem fins lucrativos. 

Esses locais além de serem mais profissionais trazem mais legitimidade para seus trabalhos aos olhos dos galeristas.

Saatchi Gallery

Ouça nosso podcast sobre como a pandemia acelerou um processo de mudança nas galerias de arte


Ressalvas

Não fique angustiado se você for rejeitado por uma ou mais galerias. O mercado da arte está cada vez mais competitivo, então isso faz parte. 

Tenha em mente que você não precisa de uma galeria para criar um público e ter sucesso. Graças à internet você pode caminhar com suas próprias pernas.

Também é importante lembrar que ser representado por uma galeria significa pagar uma comissão sobre todas as vendas. Geralmente 50% na venda de obras de arte bidimensionais (pinturas, fotografias, monotipias, etc.) e algo em torno de 30 a 40% pra trabalhos tridimensionais.

A maioria dos artistas sente que vender seu trabalho é muito mais difícil do que criá-lo, então eles aceitam essa troca. 

Caso alguma galeria entre em contato com você, pergunte aos artistas representados por ela se estão satisfeitos.

Leia todos os termos e veja se você concorda com as porcentagens de comissão.


Veja também



Fontes

Inscrever
Notificar de
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
Veja todos os comentários