O que uma das obras + famosas do mundo está fazendo na mansão que virou museu?

Exitem listas por toda a web citando as obras de arte mais importantes da história e muitas divergem em algumas escolhas. Já alguns trabalhos são figurinhas fáceis em quase todas as listas, e um deles é “Almoço dos Remadores” de Pierre–Auguste Renoir.

Para quem não está familiarizado com a obra mas já assistiu ao filme Amèlie Poulain, certamente sabe do que eu estou falando. O quadro é quase um personagem desse grande sucesso cinematográfico francês.

 

Que sorte a minha tê-lo ao meu alcance, aqui em Washington DC! A obra é sem dúvida a grande vedete da Phillips Collection, outro ótimo espaço de artes da cidade.

O museu é relativamente pequeno, mas tem uma coleção admirável e bastante eclética. Além do famoso Renoir, tem um espaço chamado Rothko com quatro obras do artista russo. A galeria pequena, exclusivamente preparada para esse fim tem a finalidade de provocar o espectador e fazer com que ele mergulhe nas sensações de cor que Rothko ambicionava. Trata-se de um experimento quase espiritual e para Rothko era uma espécie de santuário ou capela, onde a cor reina absolutamente.

O Rothko Room foi originalmente encomendado ao artista em 1960, para fazer parte da residência de Dunkan Phillips.

Rothk Room
Uma das paredes de Rothko Room

Sorte a nossa que na América é comum grandes coleções se tornarem públicas e esse é o caso da Phillips Collection. O prédio onde ela está instalada era a residência oficial da família de Duncan Phillips e transformou-se em fundação dedicada às artes em 1921.

A construção original já passou por reformulações para abrigar a impressionante coleção que possui Van Gogh, Mondrian, Calder, Renoir, Georgia O’Keffe, entre outros. Porém resquícios da residência luxuosa ainda podem ser observados.

Dunkan Phillips
Uma das salas do museu

 

Dunkan Phillips -1
Ambiente intimista

 

Art Noveau - Alexandre Calder
Escadarias Art Noveau enfeitadas por obras de Alexandre Calder

Mais uma dica cultural imperdível na capital do Tio Sam e o melhor, durante a semana a entrada é gratuita!

Saiba mais aqui

Veja também:

Incrível! Uma volta ao mundo sem sair de Washington D.C.

3 artistas que todos precisam conhecer em NY

 

Gabriela Albuquerque25 Posts

Com formação em Letras e Crítica e Curadoria de Artes, Gabriela é daquelas pessoas que caminha pelo mundo prestando atenção em linhas, formas, cores e sons. Atualmente mora na capital dos EUA , Washington DC, de onde irá compartilhar impressões e descobertas dentro desse universo incrível que só a arte proporciona.

1 Comment

Leave a Comment

Login

Welcome! Login in to your account

Remember me Lost your password?

Lost Password